Nesta quarta-feira (05), a Polícia Civil prendeu em Macaé, no estado do Rio de Janeiro, o acusado de feminicídio, Fernando Santos Agnelo.

O crime foi cometido em outubro de 2014, no bairro Ilhéus II, em Ilhéus. Na ocasião, Fernando, na presença do filho de apenas nove anos de idade, assassinou, a sangue frio, a esposa Francimary Lima da Silva, que estava grávida. Desde então, Fernando havia fugido do estado e levou o menino com ele.

O coordenador da 7ª Coorpin de Ilhéus, o delegado Evy Paternostro, explicou que ele foi localizado a partir das ações de inteligência desenvolvidas pelas equipes policiais. “Foi apurado que esse criminoso estaria prestando serviço para uma empresa de São Paulo e, em seguida, tivemos conhecimento que ele trabalhava em Macaé”, comentou o coordenador. Um mandado de prisão já estava em aberto em desfavor do criminoso.

“Entramos em contato com a Polícia Civil do Rio de Janeiro que cumpriu a ordem de prisão”, explicou. O indivíduo será recambiado para a Bahia, onde seguirá para o sistema prisional. “Nossas unidades continuam trabalhando para cumprir sua função de Polícia Judiciária e apurar as infrações penais, contribuindo para o fortalecimento da Segurança Pública.”