WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia

prefeitura de ilheus prefeitura ilheus secom bahia

outubro 2021
D S T Q Q S S
« set    
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31  

:: ‘Polícia’

DUAS MULHERES ASSASSINADAS EM MENOS DE 24 HORAS

Duas mulheres foram assassinadas em menos de 24 horas, em Barra do Choça, no sudoeste baiano. As duas vítimas tinham 24 anos e receberam vários tiros.

O primeiro caso, aconteceu na noite desta segunda-feira (18/10), na Rua Bela Vista, no Centro do município. A vítima foi identificada como Fernanda Monteiro.

A segunda morte foi na manhã de terça-feira (19/10) e trata-se de Jéssica Nunes Santos .  O corpo foi removido para o Instituto Médico Legal de Vitória da Conquista e retorna nesta quarta-feira (20/10) para a Terra do Café, onde será realizado o funeral.

ADVOGADO QUE MATOU A NAMORADA CONDENADO A PRISÃO DOMICILIAR

O advogado criminalista José Luiz de Britto Meira Júnior, acusado de matar a namorada em um apartamento no bairro do Rio Vermelho, vai para prisão domiciliar, após audiência de custódia realizada na tarde desta segunda-feira (18). A informação foi confirmada pelo advogado Domingos Arjones.

Feminicídios: Bahia registra mais de 65 casos em 2021

O homicídio de mulheres é qualificado como feminicídio quando as vítimas são mortas por causas relacionadas a seu gênero, geralmente em decorrência de violência doméstica e/ou familiar. Só neste ano, entre janeiro e setembro, a Bahia registrou 66 casos de feminicídios.

Os dados são da Secretaria de Segurança Pública da Bahia (SSP-BA), que aponta que houve uma diminuição de 13% nos registros com relação ao mesmo período de 2020, no estado baiano.

Apesar disso, essa redução nos registros não significa, necessariamente, uma queda nos casos de mortes de mulheres, já que há uma subnotificação e casos que são enquadrados como apenas como homicídio, sem a qualificadora.

Polícia Civil cumpre mandados no HRCC e no presídio de Ilhéus

Na manhã desta quinta-feira (14) Policiais Civis do Núcleo de Homicídios da 7ª Coorpin cumpriram dois mandados de prisão preventiva, expedidos pelo juiz Gustavo Lyra, da 1ª Vara do Júri da Comarca de Ilhéus, em desfavor de Felipe Santana do Nascimento (Boladão), e do comparsa Júnior de Jesus Silva (Juninho ou Japa), ambos integrantes de facção criminosa vinculada ao tráfico de drogas na região.

De acordo com a polícia civil, a dupla é autora do homicídio qualificado tentado, ocorrido no dia 14/07/2021, na Rua Graviola, Bairro Nossa Senhora da Vitória, quando na ocasião se aproximaram da vítima M.S.S., e enquanto um apontou para esta, o outro sacou uma arma de fogo e passou a efetuar disparos contra a mesma que correu se abrigando em uma residência, sendo, contudo, perseguida e alvejada por pelo menos 03 vezes, sendo encaminhada para o hospital Costa do Cacau, onde passou por cirurgia. Além deste crime, os presos são investigados como autores de outros homicídios, consumados e tentados, ocorridos na cidade de Ilhéus.

No momento do cumprimento do mandado, Felipe Santana do Nascimento se encontrava internado no Hospital Regional Costa do Cacau, vítima de tentativa de homicídio no último dia 11 de outubro, no Residencial Vitória II, no Bairro Nossa Senhora da Vitória.

O investigado Júnior de Jesus Silva teve o mandado cumprido no Presídio Ariston Cardoso, onde está preso preventivamente desde o dia 22 de setembro, acusado de ser um dos autores do homicídio ocorrido no dia 09 de novembro de 2020, no Caminho 27, Bairro Ilhéus II, tendo como vítima C.S.M., executado a sangue frio por diversos disparos de arma de fogo, tendo como comparsa Rodrigo Garcia dos Santos, vulgo Lobão, preso preventivamente por este crime no dia 23 de setembro.

Matéria: O Verdinho

POLICIA AINDA NÃO SABE QUEM MATOU CATRINE E TAÍSA

A policia civil continua batendo cabeça e ainda não tem informações sobre o duplo assassinato das  garotas Catrine Rocha Costa,15 anos e Taísa Barbosa dos Santos,22.   Os corpos das duas garotas foram encontrados as margens da BR 101 em Eunápolis crivados de balas, fato ocorrido na última sexta feira.   Catrine foi atingida por cinco tiros na cabeça, peito e pescoço. Já Taísa  sofreu sete disparos de arma de fogo em regiões como maxilar, nariz, boca e cabeça. Elas apresentavam ainda lesões de defesa.“Havia ferimentos nas mãos,  o que indica que tentaram se proteger dos tiros”, afirmou o delegado.   A reportagem apurou que Catrine e Taísa eram amigas e moravam juntas em uma casa na Rua Nossa Senhora Aparecida, no bairro Moisés, em Eunápolis . Catrine era órfã de mãe e optou por ficar sozinha na cidade depois que os familiares mais próximos se mudaram para a zona rural.  A Polícia Civil já abriu inquérito para apurar o duplo homicídio.

Misericórdia Senhor Jesus: Num ritual satânico homem esquarteja e bebe o sangue da vitíma

Um homem foi preso nesta sexta-feira (8), no Distrito Federal, Acusado de ter matado um outro homem em um possível ritual satânico. O corpo da vítima, identificada como Antônio Carlos Pires de Lima, foi encontrado carbonizado na segunda (4), em um terreno baldio.Na residência onde Antônio foi morto, os policiais civis encontraram uma imagem de um demônio em uma das paredes, além do número 666 e um cartaz de uma série de terror.Vítima foi esquartejada e teve o corpo carbonizado durante o suposto ritual
Não bastasse o cenário macabro, os investigadores descobriram que o autor do crime utilizou uma cartola e uma capa preta e vermelha. Além disso, ele teria bebido o sangue da vítima.

Câmeras de segurança de uma rua próxima ao local do crime capturou o Ac acusado caminhando com os trajes logo após o assassinato. Antônio foi morto em uma residência, mas os seus restos mortais foram jogados no terreno baldio. Os policiais localizaram apenas o fêmur e parte da coluna vertebral.
O nome do autor do crime não foi revelado pela polícia. Ele será apresentado à audiência de custódia.

ILHÉUS: JÔ FOI MORTA NA PONTA DA FACA E CRIMINOSOS JÁ NA CADEIA

Corpo da mulher encontrado em brejo com faca cravada.

A policia de Ilhéus agiu rápido e em menos de 24 horas deu resposta a sociedade, sobre um crime bárbaro, ocorrido no distrito de São José.   Jocenildes Oliveira da Silva, 27 anos,  saiu para uma festa na noite do último sábado, naquele distrito e não mais voltou.  O seu  corpo foi encontrado na tarde deste domingo (03) dentro do brejo com uma faca cravada no corpo.

No mesmo domingo, a noite,  guarnições da 70ª CIPM foram informadas,  que três elementos fortemente armados, aterrorizando no distrito de São José, zona norte de Ilhéus.

Armas artesanais encontrada com os criminosos

Durante diligências no local foram localizados três indivíduos, e com eles foram encontradas duas armas de fogo, os quais confessaram ter cometido um homicídio, utilizando as armas, no último sábado (02).

Com o trio, a PM localizou 02 espingardas artesanais; 01 balança de precisão e 01 celular da marca Motorola.

Os envolvidos e material apreendido foram apresentados na delegacia para lavratura do registro de ocorrência.

Os nomes dos criminosos não foram divulgados pela policia. As investigações continuam.

Blog O Vermelhinho

Homem suspeito de mandar matar pediatra dentro de clínica,tem prisão decretada e é considerado foragido


Polícia identifica suspeito mandante da morte de pediatra na cidade de Barra, oeste da BA

Polícia identifica suspeito mandante da morte de pediatra na cidade de Barra, oeste da BA

 O homem suspeito de mandar matar o pediatra Júlio César de Queiroz Teixeira, 44 anos, dentro da clínica onde ele trabalhava, teve a prisão decretada e é considerado foragido. A informação foi divulgada nesta terça-feira (5) pela Justiça de Barra, cidade do oeste da Bahia, onde o crime aconteceu.

Júlio César foi morto quando estava em atendimento. Ele foi baleado na frente de pacientes e da esposa, que é enfermeira e trabalhava com ele no local.

Vídeo mostra correria de clientes no momento que médico é morto dentro de clínica na BA
Segundo informações do delegado Jenivaldo Rodrigues, responsável por investigar o caso, Diego Santos Silva, de 31 anos, é apontado como o mandante do crime. Buscas foram feitas em três possíveis locais onde ele poderia estar escondido, na segunda-feira (4).Apesar de ser apontado como mandante do crime, a família de Júlio César acredita que Diego Silva tenha sido um intermediário entre a pessoa que encomendou o assassinato e os executores.

Diversas versões da motivação do crime já foram apresentadas à polícia, mas oficialmente a hipótese trabalhada é de que o médico teria assediado uma mulher. Essa motivação foi totalmente rejeitada pela família. Para os irmãos, o médico pode ter sido morto por uma disputa de espaço de trabalho.

“Você começa a juntar as peças. Júlio César não tinha inimigos, tinha uma vida correta. A única coisa que sobra é a questão profissional. A gente desconfia de algo ligado à disputa de espaço médico, mas a gente não sabe quem, nem o porquê. A gente espera que a polícia nos conclua o que foi que houve com Júlio Cesar”, diz Geraldino Gustavo.

A Polícia Civil informou que só vai falar sobre o caso depois de concluir o inquérito.

Quatro suspeitos já foram presos: os executores do crime e um casal, que conforme as investigações, atuou como olheiro. Os três homens foram encaminhados para a penitenciária de Barreiras e a mulher está presa na delegacia de Barra. A polícia segue em busca do mandante do crime.

IBIRAPITANGA – Vereador é preso suspeito de passar dinheiro falso em cidades da região.

O vereador de Ibirapitanga, Aderlan Gomes da Silva Carvalho, 27 anos, foi preso em caráter de flagrante, na segunda-feira (27), suspeito de passar cédulas falsas de dinheiro em vários estabelecimentos comerciais em cidades da região.

De acordo com informações policiais, o edil comprou as notas falsas pela internet e recebeu pelos Correios. Monitorado, Aderlan passou a circular pela região na companhia de um comparsa, que seria menor de idade.

Ainda segundo a polícia, estima-se que a dupla tenha cometido o crime em, ao menos, quatro municípios da região: Presidente Tancredo Neves, Teolândia, Wenceslau Guimarães e Gandu.

A prisão ocorreu em Wenceslau Guimarães e o vereador foi levado para Gandu. Determinada quantia em dinheiro e um automóvel Chevrolet Celta de cor preta e placa Mercosul EAZ-8G52, licenciado em Ibirapitanga-BA, foram apreendidos para averiguações.

Fonte: Verdinho Itabuna

Idoso de 74 anos é preso com buchas de maconha; parte da droga foi encontrada no bolso da roupa dele

Idoso de 74 anos é preso com buchas de maconha no sul da Bahia — Foto: Divulgação / Polícia Civil

Um idoso de 74 anos foi preso com 22 buchas de maconha, na cidade de Itabuna, no sul da Bahia. Segundo informações da Polícia Civil, parte da droga estava no bolso da roupa que ele vestia.

O caso aconteceu na quinta-feira (30), na localidade da Bananeira, mas foi divulgada pela Polícia Civil nesta sexta (1°). Além da droga, uma quantia de R$ 5.310 foi apreendida pela equipe da Delegacia de Tóxicos e Entorpecentes (DTE) de Itabuna.

Conforme detalhou o titular da especializada, delegado Fábio José Simões, as equipes apuravam uma denúncia de tráfico, no bairro Nova Itabuna, quando flagraram o idoso, que não teve a identidade revelada. Na casa do suspeito foi apreendido o dinheiro e o restante da droga.

De acordo com a polícia, o material vai ser periciado no Departamento de Polícia Técnica (DPT). A unidade instaurou inquérito para apurar a ação criminosa e deve solicitar medidas cautelares à Justiça.

Ainda de acordo com a polícia, o idoso já respondeu pelo crime de tráfico de drogas. A ação contou com apoio da 2ª Delegacia Territorial (DT) de Itabuna.

Suspeito de matar idosa dentro de apartamento confessa ter estuprado e roubado vítima, diz polícia

Mulher estava em apartamento no sétimo andar do Ondina Apart Hotel, no bairro de Ondina, em Salvador — Foto: Victor Silveira/TV Bahia

O suspeito de envolvimento na morte da idosa Maria Helena Mazzei Pereira, de 67 anos, em um apart hotel, no bairro de Ondina, em Salvador, foi autuado por estupro e latrocínio após confessar os crimes. A informação foi divulgada pela Polícia Civil na tarde desta quinta-feira (30).

De acordo com a Secretaria de Segurança Pública da Bahia, o homem, que foi preso na manhã desta quinta, no bairro da liberdade, era funcionário de uma imobiliária e há uma semana trabalhava em uma reforma no imóvel da vítima.

O suspeito foi ouvido por equipes da 1ª Delegacia de Homicídios (DH/Atlântico), no Departamento de Homicídios e de Proteção à Pessoa (DHPP), no bairro da Pituba.

O homem tinha acesso a um segundo apartamento no prédio, que também passa por obras de reparo. A SSP, contudo, não informou se o homem cometeu algum crime no local.

O suspeito admitiu que roubou o telefone celular da idosa e escondeu em uma caixa de energia no bairro da Liberdade, onde foi flagrado pelos policiais.

Associação Baiana de Advogados Trabalhistas divulgou nota de pesar — Foto: Reprodução / Redes Sociais

Associação Baiana de Advogados Trabalhistas divulgou nota de pesar — Foto: Reprodução / Redes Sociais

A vítima foi identificada como Maria Helena Mazzei Pereira, de 67 anos. De acordo com a Associação Baiana de Advogados Trabalhistas, ela era viúva do ex-juiz do trabalho e advogado Rui Vinhas Pereira e deixou três filhos e seis netos.

Imagens das câmeras de segurança instaladas no prédio foram recolhidas e devem auxiliar nas investigações. Além disso, o apartamento onde o corpo da idosa foi encontrado passou por perícia. Ela morava no local. O caso foi registrado na 1ª Delegacia de Homicídios, responsável pelas investigações.

O sepultamento de Maria Helena Mazzei Pereira estava marcado para 16h30, desta quinta, no cemitério Jardim da Saudade, na capital baiana.

Homem é assassinado no Teotônio Vilela, após se relacionar com criança especial

Léo foi morto ainda dormindo.

Léo foi morto ainda dormindo.

Leonardo Bruno de Jesus Silveira, de 39 anos de idade, foi brutalmente assassinado por volta das 03h da madrugada desta quinta-feira (30), na Rua Genésio Santos, bairro Teotônio Vilela, em Ilhéus. Léo, segundo a polícia, era usuário de drogas.

Conforme informações obtidas com exclusividade pelo Site Fábio Roberto Notícias, um indivíduo não identificado em posse de uma pistola .40, invadiu a residência da vítima pelo quintal, onde matou ainda dormindo na cama do quarto, com cerca de 05 tiros na cabeça.

De acordo investigações da polícia judiciária, a vítima estava se relacionando com uma criança de aproximadamente 13 anos que seria deficiente mental, e esse teria sido o motivo pelo qual integrantes de facção criminosa determinaram sua morte.

Corpo encaminhado para necrópsia no departamento de polícia técnica de Ilhéus.

Matéria : Fábio Roberto



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia