WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia

prefeitura de ilheus prefeitura ilheus secom bahia

outubro 2016
D S T Q Q S S
« set   nov »
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031  

:: 15/out/2016 . 17:43

Dia do Professor: Novo Ensino Médio e Escola sem Partido são temas de debates

dia-do-professor

Mariana Tokarnia – Repórter da Agência Brasil

O Dia do Professor é comemorado hoje (15) em meio a debates sobre políticas de educação e, pelo menos, duas medidas que estão sendo discutidas no Congresso Nacional pretendem mudar o ensino básico: a Medida Provisória do Novo Ensino Médio e o projeto de lei 193/2016, que inclui entre as diretrizes e bases da educação nacional o programa Escola sem Partido. Essas medidas atingirão os mais de 40 milhões de estudantes e 1,6 milhão de professores do ensino fundamental e médio.

A MP do Ensino Médio flexibiliza a etapa do ensino e determina que cerca de 1,2 mil horas, metade do tempo total do ensino médio, serão destinadas a conteúdos obrigatórios. No restante da formação, os alunos poderão escolher entre cinco trajetórias: linguagens, matemática, ciências da natureza, ciências humanas – modelo usado também na divisão das provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) – e formação técnica e profissional. A medida também amplia gradualmente a carga horária do ensino médio para 7h por dia ou 1,4 mil horas por ano.

Já o Escola sem Partido diz que professores não podem transmitir aos estudantes nenhum tipo de posicionamento, seja político, ideológico ou religioso. A proposta do movimento é de que seja afixado na parede das salas de aula de todas as escolas do país um cartaz, onde estarão escritos os deveres do professor. Entre esses deveres, está que o professor não se aproveitará da audiência cativa dos alunos para promover os seus próprios interesses, opiniões, concepções ou preferências ideológicas, religiosas, morais, políticas e partidárias.

Além disso, o Escola sem Partido estabelece que o professor não fará propaganda político-partidária em sala de aula nem incitará seus alunos a participar de manifestações, atos públicos e passeatas e que, ao tratar de questões políticas, sócio-culturais e econômicas, o professor apresentará aos alunos, de forma justa – isto é, com a mesma profundidade e seriedade –, as principais versões, teorias, opiniões e perspectivas concorrentes a respeito.

O projeto determina ainda que as secretarias de educac a o contara o com um canal de comunicac a o destinado ao recebimento de reclamac o es relacionadas ao descumprimento da medida, assegurado o anonimato.

HORÁRIO DE VERÃO COMEÇA AMANHÃ; BAHIA ESTÁ FORA

 relofio

O horário de verão entra em vigor neste domingo (16) nos estados do Sul, Sudeste e Centro-Oeste do país. A partir de 0h, o relógio deve ser adiantado em uma hora em todos os estados destas regiões.

A Bahia, assim como todas as unidades da federação no Norte e Nordeste, está fora do horário de verão. A mudança  afetará estes Estados em relação a atendimento na rede bancária, programação de emissoras de rádio e televisão nacional e, ainda, os voos para áreas que aderiram ao horário de verão.

Novos shows do Projeto Seis e Meia acontecem no Teatro Municipal de Ilhéus, nos dias 19 e 26

teatro-municipal-de-ilheus-foto-alfredo-filho-secom-ilheus

Com o objetivo de estimular o surgimento de novos talentos e a produção musical local, a Secretaria de Cultura (Secult) de Ilhéus promove, nos dias 19 e 26 deste mês de outubro, no Teatro Municipal de Ilhéus (TMI), mais dois espetáculos do Projeto Seis e Meia. Os shows serão apresentados a partir das 18h30min.  No dia 19, quarta-feira, os aplausos irão para os artistas Laís Marques, Nozinho, Márcia Alencar, Jacque Barreto e Jozilto Araújo.

E no dia 26, o Projeto Seis e Meia mostrará o talento de Dinho Brown, da banda Jah Bless, Eloah Monteiro, Mulheres em Domínio Público e Stampa do Forró. A iniciativa da Secretaria de Cultura é promovida com recursos do Fundo Municipal de Cultura, com aprovação do Conselho Municipal de Cultura.

A edição 2016 do Projeto Musical Seis e Meia teve início no mês de abril último, na Tenda do Teatro Popular, instalada na avenida Soares Lopes. Agora, os espetáculos acontecem no Teatro Municipal de Ilhéus, que foi totalmente recuperado na atual administração.

Blog Agravo

No Festival de Lençóis, Mart’Nália destaca ação em defesa do meio ambiente

lencois
O show de Mart’Nália foi o ponto alto da segunda noite do Festival de Lençóis. Em sua estreia no evento, que chega à 18ª edição este ano, a cantora levou milhares de pessoas a sambar nas ruas da histórica cidade da Chapada Diamantina. Além de cantar as músicas que marcaram a carreira dela e dos maiores nomes do samba, Mart’Nália destacou a importância da preservação do meio ambiente durante sua apresentação na noite desta sexta-feira (14).
Este ano, o Festival de Lençóis tem como tema o programa Bahia sem Fogo, do Governo do Estado, que foi lançado oficialmente na noite de quinta-feira (13) e tem como objetivo fortalecer e promover novas ações de combate aos incêndios florestais na Bahia. “O que eu puder fazer por essa natureza toda eu farei, e estar aqui cantando faz parte dessa história. Tô muito feliz de estar em Lençóis, é um sonho realizado”, afirmou Mart’Nália.
Antes da artista, o vocalista da BaianaSystem, Russo Passapusso, apresentou seu show solo, mas não deixou de fora sucessos da banda que lidera. No repertório, grandes sucessos da Música Popular Brasileira (MPB). Ainda no palco principal da segunda noite da festa se apresentaram a banda Cidade Liberal e o também sambista Délcio Luiz, que recebeu Mart’Nália no palco para relembrar alguns sucessos de Martinho da Vila, pai da cantora carioca.
Na abertura do festival, na noite de quinta, o secretário estadual do Meio Ambiente, Eugênio Spengler, anunciou o monitoramento aéreo de focos de incêndios (helicópteros e aviões) na região da Chapada Diamantina e participou do lançamento do livro “Unidades de Conservação da Bahia”. O cantor baiano Lazzo foi o destaque artístico da noite.

 

Fotos: Diego Mascarenhas GOV/BA

Ouvidor Geral visita ouvidorias especializadas em Ilhéus e Itabuna

Para melhorar a comunicação entre a população e o governo nos assuntos referentes à Educação e Segurança, o ouvidor geral, José Maria Dutra, visita entre os dias 17 e 20 de outubro a Universidade Estadual de Santa Cruz (Uesc), o Comando do Policiamento da Região Sul e Batalhão Escola da Polícia Militar, em Ilhéus e Itabuna, sul do estado.

 

As visitas têm o objetivo de conhecer o funcionamento das Ouvidorias Setoriais e fazem parte de um conjunto de ações que visam qualificar o trabalho das ouvidorias especializadas em todo Estado, consolidando o sistema de ouvidorias como instrumento de gestão.

 

A primeira visita será na terça-feira (18), às 8h30, na Universidade Estadual de Santa Cruz. À tarde, 13h, o ouvidor geral, acompanhado do ouvidor da Polícia Militar, Major Maciel, estará no Comando do Policiamento da Região Sul (CPR Sul), depois no SAC, Núcleo Regional de Educação (NRE 05) e DIRES Macroregião Sul. Na quarta-feira (19), a partir das 8h, as visitas serão ao Batalhão Escola da Polícia Militar e SAC, em Ilhéus.

 

“Nosso objetivo é trocar experiências sobre elementos que consideramos importantes para melhorar as ações das instituições públicas, estabelecendo o bom relacionamento com o cidadão, aperfeiçoando a nossa escuta e aprimorando o entrosamento com a direção dos órgãos e o trabalho prestado à sociedade”, explica o ouvidor geral, José Maria Dutra.
Comunicação Não Violenta

Na segunda (17), às 14h45, o ouvidor geral irá palestrar sobre Comunicação Não Violenta na I Semana de Promoção de Cultura de Paz, realizada pela Universidade Estadual de Santa Cruz, em Ilhéus. O método Comunicação Não Violenta está sendo implantado na Ouvidoria Geral do Estado e na Rede de Ouvidorias Especializadas do Estado através de capacitações. O objetivo é qualificar o atendimento ao cidadão.

Daniel Thame



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia