WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia

camara de ilheus camara de ilheus prefeitura de ilheus prefeitura ilheus secom bahia

abril 2021
D S T Q Q S S
« mar   maio »
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
252627282930  

:: 27/abr/2021 . 12:29

VEREADOR KAIQUE SOUZA SOLICITA INCLUSÃO DE OFICIAIS DE JUSTIÇA NO GRUPO PRIORITÁRIO DE VACINAÇÃO CONTRA A COVID-19

IMG-20210202-WA0529.jpg

O vereador Kaique Souza (Podemos), através do Requerimento Nº291/2021, solicitou ao Secretário Municipal de Saúde, Geraldo Magela, a inclusão dos Oficiais de Justiça lotados no município de Ilhéus na primeira fase do grupo prioritário de vacinação contra o Coronavírus (Covid-19).

De acordo com o parlamentar, esta é uma categoria sujeita a forte risco de contágio, pois sua atividade demanda um contato direto com inúmeras pessoas diariamente.

“Desde o início da pandemia, os Oficiais de Justiça continuam entregando pessoalmente as correspondências e comunicações jurídicas, expondo suas vidas e de seus familiares à doença”, alertou Kaique Souza, ao pedir urgência na imunização da classe.

Vale salientar que mesmo durante a pandemia, o Poder Judiciário manteve a realização de audiências, atos de comunicação, avaliação e verificação de leilões, penhoras e arrestos, entre outras diligências, onde atuação do Oficial de Justiça é fundamental.

Vice-prefeito de Itabuna confirmou intenção de ser candidato a deputado federal em 2022

O vice-prefeito de Itabuna, Enderson Guinho, anunciou hoje (27) sua filiação ao Democratas, sigla presidida pelo ex-prefeito de Salvador ACM Neto.

Realizado na Terceira Via Hall, o ato teve a presença de representantes do partido em diversas cidades do estado, a exemplo dos prefeitos de Buerarema, Vinícius Ibrann, e de Itapetinga, Rodrigo Hagge.

Enderson também confirmou a intenção de ser candidato a deputado federal no próximo ano.

Secretário de Saúde da BA critica decisão da Anvisa de negar importação da vacina Sputnik

O secretário de Saúde da Bahia, Fábio Vilas-Boas, criticou a decisão da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) de negar o pedido de autorização para a importação da vacina russa Sputnik V, contra a Covid-19. O estado tem contrato para aquisição de 9,7 milhões de doses do imunizante.

A Anvisa justificou que não há informações que atestem a garantia da segurança população e que não recebeu um relatórios técnico da fabricante, para comprovar que a vacina corresponde aos padrões de qualidade exigidos pela agência.

Segundo o secretário, essa decisão da Anvisa já era esperada e mostra que a agência está “desconectada da realidade” da Covid-19 no país.

“Não tinha nenhuma dúvida que ela [Anivsa] viesse a dar esse parecer. A simples ida deles a Moscou não iria resolver a infinidade de questionamentos, de documentos que eles solicitaram. A estimativa nossa é que demora em torno de seis meses para conseguir responder a quantidade de questionamentos da Anvisa. Então, existe sim uma desconexão da realidade que nós vivemos, com as exigências que a Anvisa está impondo”.

Vilas-Boas citou ainda a decisão do ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Ricardo Lewandowski. O ministro afirmou que a Anvisa deveria justificar tecnicamente a negativa do uso da Sputnik V, sem recorrer à falta de documentos e questões burocráticas.

“O ministro Lewandowski muito inteligentemente proferiu uma sentença na qual ele diz que a Anvisa não pode simplesmente alegar potenciais riscos e se prendendo em exigir mais documentos. Ele disse que a decisão por não aprovar deve estar calcada em evidências científicas do malefício da vacina. Ele disse que a Anvisa não pode simplesmente continuar a dizer que há ausência de documentos, que há ausência de evidência de benefícios, que há ausência de evidências de segurança”, comentou o secretário.

“O que nós assistimos na apresentação da Anvisa é um desfile de tecnicalidades, batendo na mesma tecla: ‘Eu não sei, eu tenho receio, pode ser, talvez’, que é exatamente o que o ministro disse que ele não quer que a Anvisa continue a insistir. Como ela não tem documentos, ela não pode afirmar que a vacina traz malefícios, é apenas uma especulação”, argumentou o secretário.

Policia confirma: Mataram o taxista para roubar

A polícia prendeu nesta segunda-feira, 26, o bandido Jarbas Júnior, único dos participantes da morte do taxista Amintas Moura que ainda estava foragido. Ele foi localizado em Inema, distrito de Ilhéus.

Os outros dois envolvidos são David Santos Sena, encontrado morto na última quarta-feira, e Bruno Santos, que está igualmente preso. A exemplo de Bruno, Jarbas confessou o crime, ocorrido no último dia 19, segunda-feira.

Ele disse ter participado do assalto a convite de Davi, sob a promessa de perdão a uma dívida de drogas. Alegou ter sido o comparsa que ordenou a execução.

Moura foi sequestrado em Itabuna e assassinado por asfixia em um matagal do município de Itajuípe. Os bandidos se enganaram pensando que a vítima estava com dinheiro.

Jarbas é o bandido mais alto entre os dois que aparecem nas imagens da câmara de segurança, tecnologia que facilitou, em pouco tempo, o esclarecimento do caso. Blog O Vermelhinho

RAIO X SOBRE OS CANDIDATOS DE ILHÉUS PARA AS ELEIÇÕES DE 2022

 Por Jerberson Josué.
Embora estejamos há praticamente 18 meses para acontecerem as eleição que definirão quem serão nossos próximos governates e legisladores estaduais e nacionais, conversações e articulações já são percebidos na política  ilheense.
Desde 2018 Ilhéus está orfã de representações nas Câmaras Estadual e Federal. Ângela Sousa (PSD) não conseguiu ser reeleita e Bebeto Galvão (PSB) optou por desistir de ser permanecer como deputado federal, para ser primeiro suplente do eleito senador Jaques Wagner (PT).
Alguns nomes são anunciados como prováveis candidatos e as redes sociais são cenários de exposições de boas promessas, embora nem todos sejam promissores.
Entre as candidaturas colocadas como prováveis para participarem da disputa em 2022, estão lideranças conhecidas pela população e reconhecidas pelos grupos políticos, embora também existam novatos, cujos nomes ainda terão que redobrar esforços para serem consolidados no círculo do eleitorado ilheense.
Entre os nomes reconhecidos como ilheenses e já conhecidos como prováveis candidatos estão os que estão inseridos em nossa lista abaixo:
A ex-deputada estadual, Ângela Sousa (PSD), que poderá desistir e apoiar a Primeira Dama, Soane Galvão (PSD). Caso Soane também desista de ser candidata, o nome prováve do PSD, deverá ser o atual presidente da Câmara, Jerbson Morais (PSD), embora sejam inquestionáveis as evidências de que Jeberson seja prefeiturável do atual prefeito Marão, para sucedê-lo em 2024. O PSD também debate as possíveis candidaturas proporcionais dos vereadores Gurita e Paulo Carqueja.
O vereador Augustão do PT, que tem se destacado pelo engajamento na luta pelo transporte de melhor qualidade, é citado como pré-candidato a deputado estadual ou federal. Mas outros nomes de petistas, devem disputar uma vaga para Assembleia Legislativa da Bahia e este é o caso do ex-candidato a vice-prefeito e ex-presidente estadual do PT, Everaldo Anunciação. A vereadora Enilda Mendonça, também está no páreo. Nilton Cruz, tem seu nome cogitado para disputar uma vaga para a Câmara Federal.
O vereador Ivo Evangelista do Partido Republicano, com apoio da Igreja Uuniversal do Reino de Deus (Iurd), é uma alternativa que não pode ser descartada entre as mais alvissareiras.
O PTB do defensor público e vereador Tandick Resende, poderá tê-lo entre as candidaturas ilheenses para estadual.
No PV são favas contadas uma provável candidatura para estadual de um dos seus 2 vereadores: Vinicius Alcântara e Luciano Luna.
O PCdoB poderá ter no vereador Claudio Magalhães, o primeiro indigena eleito para a Alba. E possui também o presidente do sindicato dos bancários Rodrigo Cardoso, como alternativa provável para 2022.
O Podemos precisa ter um dos seus 2 jovens vereadores, Kaique Sousa e Nino Valverde, como candidato para fortalecer o partido no sul da Bahia e fazê-lo ter maior protagonismo em Ilhéus.
O ex-vereador Cosme Araújo é sempre lembrado como forte candidato, a federal novamente, ou estadual. Cosme é importante para o PDT baiano ampliar suas bases na região cacaueira.
O PSB do atual vice-prefeito Bebeto Galvão, poderá ter o vereador Fabrício Nascimento, como alternativa para o grupo ter um nome na disputa. Também há no PSB, a possibilidade da candidatura do advogado Joabs Ribeiro e a candidatura de Alisson Gonsalves.
No ninho tucano ilheense, cogita-se uma candidatura do ex-candidato a deputado estadual em 2018 Cipá, além o líder comunitário Mirinho. O presidente Allan Marinho terá que convergir um desses dois nomes, para viabilizar o PSDB com deputado eleito por Ilheus..
O Psol ilheense tem a ex-candidata a prefeita em 2020, Bernadete, Jorge Luiz, que foi candidato a prefeito em 2012 e 2016 e o advogado André Luiz (que foi o  candidato do partido a prefeito em 2008), como opções para 2022,
O DEM terá o ex-candidato a prefeito em 2020, Valderico Reis Junior, com candidatura oxigenada por ACM Neto, que deverá focar Ilhéus e Itabuna, como centros de suas ações sulbaianas, em sua campanha para suceder o governador Rui Costa (PT). A dúvida recai sobre Valderico concorrer a estadual ou federal. Há também o advogado e suplente de vereador, Diran Filho, posto como opção do partido para 2022.
O ex-candidato a prefeito em 2016 e 2020, professor Reinaldo Soares, ainda não definiu rumos pra 2022, porém ninguém descarta que também poderá ser candidato em 2022.
Outro nome que pode se jogar numa pretensa candidatura é o empresário Nicolau dos extintores.
A empresaria Diane Russiolleli, ex-prefeita de Una, que reside em Ilhéus e tem fortes laços com a cidade, poderá entrar na disputa eleitoral do próximo ano.
O nome do médico e ex candidato a prefeito nas eleições de 1992, 2004 e 2008, Ruy Carvalho, está sendo mencionado como provável candidato a deputado estadual, por ter obtido a expressiva votação de 28 mil votos quando foi prefeiturável, nas eleições de 2008.
O empresário Paulo Ganen também é um nome citado para disputar a eleição e vários partidos desejam tê-lo em seus quadros de filiados e candidatos.
O radialista Vila Nova, está sendo visto como alternativa positiva, para poder ser eleito deputado estadual no próximo ano, por seu destaque nas ações e articulações de bastidores políticos e histórico de liderança ativa em movimentos estudantis e estes fatos o coloca no radar dos debates eleitorais do sul da Bahia.
A Dra Rúbia Carvalho, que ja foi candidata a deputada, é um nome capaz de agregar um grupo em seu entorno que também e poderá ser candidata a deputada estadual no pleito de 2022.
O PTC de Ilhéus terá no seu presidente Jorge Farias, a mais promissora opção para disputar uma vaga no legislativo baiano e cumprir a missão de ajudar a legenda a fazer deputados federal e estadual.
O jovem ativista Thiago Martins tem se destacado no meio da nova direita baiana é o nome com potencial para ser alçado numa missão eleitoral.
Por relapso de memoria, ou informações dos grupos e partidos que não chegaram ao nosso conhecimento, outros nomes podem está articulados nos bastidores, por há possibilidade de nossa omissão aos nomes desses pretensos candidatos não citado acima e por este fato, esperamos contar com a compreensão deles e dos nossos leitores.
Como diz um antigo ditado popular, “muita água inda passará por baixo da ponte” e ainda há muito água para passar sob as pontes que interligam os ilheenses e os fazem navegar nas ocilações que provocam bons desembarques e inevitáveis naufrágios! Por Jerberson Josué.

Terceira Via realizou formatura de Direito cumprindo protocolos de prevenção à covid-19

 

 

Com a retomada gradual de atividades do setor de eventos, em Itabuna, a Terceira Via realizou, no dia 15 de abril, a solenidade de formatura da turma 2020.2 do curso de Direito da Unime, tendo como marca o cumprimento dos protocolos sanitários de prevenção à Covid-19. A cerimônia foi presidida pelo diretor-geral da Unime-Itabuna, professor Santo Ádamo Nunes de Oliveira.

 

Realizada no Centro de Convenções Terceira Via Hall, sede da Terceira Via Formaturas e Eventos, a partir das 17 horas, a solenidade aconteceu com limitação de público, uso obrigatório de máscaras e atenção rigorosa ao distanciamento social. Como o espaço da Terceira é muito amplo, torna-se possível arrumar a plateia com a devida distância entre as cadeiras. Além disso, os colaboradores da empresa usam equipamentos de proteção individual e são treinados especialmente para a produção das solenidades. 

 

A turma de novos bacharéis e bacharelas prestou homenagem “in memoriam” aos colegas Anne Aparecida Almeida Cruz e Pablo Mattos Barreto, que participariam da solenidade. O momento de lembrança de Pablo Barreto foi conduzido pela bacharela Maria Fernanda Sena Rodrigues. 

 

A cerimônia de formatura contou com as presenças da coordenadora do curso, professora Sara Amorim Silva, o paraninfo da turma, professor Paulo Afonso de Andrade Carvalho, e o secretário acadêmico Amadeu Bezerra Lima. A oradora da turma foi a formanda Manuela Santos Cardoso, sendo que o juramento foi conduzido pela formanda Gláucia Lopes de Souza. 

 

O palco da Terceira Via Hall ganhou uma cenografia especial para a solenidade, com efeitos visuais de acordo com cada etapa da cerimônia. O restante do espaço foi decorado para destacar a retomada dos eventos, através das solenidades de Culto de Agradecimento e Outorga de Grau, como explica a diretora da empresa, Leandra Batista. 

 

Por sua vez, o diretor da Terceira Via, Franklin Bastos, ressalta que a empresa, com 14 anos de atuação no mercado, desenvolveu diversos protocolos que podem ser adequados a qualquer tipo de cerimônia, inclusive com a opção do modelo híbrido, com cobertura e transmissão on-line pelas plataformas de redes sociais da empresa.
Agradecimento – O grupo Terceira Via ressalta que este retorno do evento com capacidade reduzida deve-se também ao entendimento e sensibilidade do poder público municipal, ao observar que é sim possível, obedecendo a todos os protocolos sanitários, a realização destas solenidades com a devida segurança. Nesse sentido, reconhece e agradece o esforço do Poder Legislativo, na pessoa do presidente da Câmara Municipal de Itabuna, Erasmo Ávila, e do Poder Executivo, nas pessoas dos Srs. Prefeito, Augusto Castro, e do vice-prefeito, Enderson Guinho, além do secretário de Indústria, Comércio, Emprego e Renda, Ricardo Xavier, e toda sua equipe.



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia