Nesta quarta-feira (11), às 16h, acontecerá em Pau Brasil uma caminhada em protesto às indefinições e em prol da justiça no caso da nutricionista Luma Leyne Fernandes Silva, 25 anos, vítima de latrocínio em Camacan no dia 06 de dezembro do ano passado.
Os organizadores do evento convidam toda a população para participar da marcha em memória de Luma, em pacífico ato de protesto contra as contradições e impunidades, que segundo eles, existem no caso. O ponto de partida será na Praça Juraci Magalhães, e os participantes vestirão blusa branca.