WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia

secom bahia bahiatursa carnaval 2023 embasa bahia secom bahia gas secom bahia

dezembro 2022
D S T Q Q S S
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031

:: 5/dez/2022 . 9:04

Sesau confirma casos de zika e chikungunya e alerta para risco de surto em Ilhéus

Algumas localidades estão em situação de alerta, principalmente os bairros da Conquista, Nelson Costa e Nossa Senhora da Vitória

A Prefeitura de Ilhéus confirmou 38 casos de arboviroses até a presente data, dos quais 25 foram de zika e 13 de chikungunya. Conforme a Secretaria de Saúde (Sesau), outros 1.106 casos se enquadram como suspeitos e aguardam análise realizada pelo Laboratório Central de Saúde Pública da Bahia (LACEN). O boletim foi divulgado pelo setor de Vigilância Epidemiológica e de Endemias (VIEP) na última segunda-feira (28).

A Sesau explica que a chegada do fim do ano, tradicionalmente, aumenta o número de focos do Aedes aegypti, transmissor da dengue, zika, chikungunya e febre amarela. O VIEP aponta algumas localidades que registraram aumento do número de casos e estão em situação de alerta, principalmente os bairros da Conquista, onde foram notificados 128 casos; seguido do Nelson Costa, com 115 casos; e do Nossa Senhora da Vitória/Condomínio Sol e Mar, que possui 107 casos suspeitos.

Os bairros Hernani Sá, Malhado, Pontal, São Francisco e Teotônio Vilela somam 304 casos sob investigação. A Sesau explica que os agentes de combate às endemias realizam um trabalho educativo para alertar a população sobre a importância de verificar qualquer reservatório que possa servir de criadouro para o mosquito.

Os munícipes devem cobrir tanques e tonéis, evitando o acúmulo de garrafas, copos descartáveis, latas, pneus, dentre outros objetos que ficam a céu aberto com água parada. A comunidade tem papel central na prevenção das doenças.

“Seja um cidadão cinco estrelas e tire cinco minutos do seu tempo para verificar sua casa. Não vamos deixar o mosquito nos vencer”, frisou Jailma Nascimento, diretora do VIEP.

Saiba onde procurar atendimento – A UPA da Esperança e o PA da Zona Sul são referência para os casos no município.

Disque-dengue – A população pode efetuar denúncias de possíveis criadouros do mosquito em terrenos baldios, casas abandonadas e áreas mais críticas, através do número (73) 3231-4519. O atendimento funciona de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h.



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia