WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia

secom bahia prefeitura ilheus prefeitura ilheus secom bahia secom bahia secom bahia

maio 2022
D S T Q Q S S
« abr    
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031  

:: ‘Covid-19’

Agentes de endemias reforçam ações de controle e combate à dengue em Ilhéus

Agentes de endemias

A Prefeitura de Ilhéus segue intensificando as ações de combate ao mosquito Aedes aegypti, transmissor da dengue, Zika vírus e Chikungunya. De acordo com a Secretaria de Saúde (Sesau), as equipes de agentes de combate às endemias realizam visitas diárias às residências, principalmente nos bairros com maiores índices de infestação.

O objetivo do trabalho é averiguar possíveis criadouros do mosquito para eliminação de foco, bem como realizar a coleta de amostras de larva para serem analisadas. A Sesau destaca a importância da população contribuir com o trabalho preventivo realizado pelos agentes, que inclui autorização para inspeção dos imóveis.

As Unidades de Pronto Atendimento da Conquista e da Zona Sul são referência para os casos no município.

“Os cuidados para evitar a proliferação do mosquito devem ser mantidos o ano inteiro, mas é importante que a comunidade faça a sua parte, porque o combate depende da conscientização de todos. Se não houver comprometimento da população, os casos continuarão aumentando”, explica André Cezário, titular da Sesau.

Agentes de endemias

A comunidade tem papel central na prevenção da doença. Os munícipes devem cobrir tanques e tonéis, evitando o acúmulo de garrafas, copos descartáveis, latas, pneus, dentre outros objetos que ficam a céu aberto com água parada.

Disque-dengue – A população pode efetuar denúncias de possíveis criadouros do mosquito em terrenos baldios, casas abandonadas e áreas mais críticas, através do número (73) 3231-4519.  O atendimento funciona de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h.

Covid-19: Ilhéus inicia aplicação da 4ª dose para idosos com 60 anos ou mais

Vacinação

Idosos com 60 anos ou mais podem se dirigir aos pontos de vacinação para receber a 4ª dose contra a Covid-19 em Ilhéus. A Secretaria de Saúde (Sesau) explica que é importante respeitar o intervalo de quatro meses em relação à dose de reforço, conforme recomendação da Comissão Intergestores Bipartite da Bahia (CIB-BA).

O público pode comparecer aos postos previamente informados, de acordo com horário de funcionamento das salas de imunização para completar o esquema vacinal. A 4ª dose é aplicada mediante apresentação do CPF, cartão do SUS, comprovante de residência e cartão de vacinação constando as três aplicações. O esquema vacinal completo reduz o risco de contaminação e agravamento de casos da doença.

– Unidades de Saúde

Módulo Sul:

– ESF do Ilhéus II; UBS do Hernani Sá e UBS Olivença;

Módulo Norte:

– UBS Sarah Kubitscheck e UBS Avenida Esperança;

Módulo Centro:

– UBS Conquista; UBS Santa Dulce dos Pobres (Avenida Princesa Isabel); ESF do Basílio e CAE III (antigo Sesp);

Módulo Oeste:

– UBS Euler Ázaro; UBS Banco da Vitória e ESF do Salobrinho

A imunização contra a Covid-19 é ofertada para os seguintes públicos:

– Aplicação da 1ª dose para pessoas a partir de cinco anos;

– Aplicação da 2ª dose, de acordo com a data marcada no cartão;

– Aplicação da 3ª dose (dose de reforço) para pessoas acima de 18 anos que receberam a segunda dose há pelo menos quatro meses, incluindo gestantes e puérperas;

– Aplicação da 3ª dose para adolescentes de 12 a 17 anos (apenas gestantes/puérperas ou imunossuprimidos) que receberam a segunda dose há pelo menos quatro meses;

– Aplicação da 4ª dose para imunossuprimidos, acima de 12 anos, e idosos acima de 60 anos que tomaram a dose de reforço há pelo menos quatro meses.

Saúde na Comunidade atende cerca de 400 pessoas na zona rural de Ilhéus

saúde na comunidade

A Prefeitura de Ilhéus realizou 375 atendimentos na zona rural do município, entre os dias 7 e 11 de março. De acordo com a Secretaria de Saúde (Sesau), as ações fazem parte do Programa “Saúde na Comunidade” e na última semana garantiu assistência aos moradores do Japu; Maria Jape; Assentamento Cosme Muniz; Assentamento Fábio Henrique; Aritaguá; Sambaituba; São José; Pimenteira; Juerana; Ponta da Tulha; Coutos e Banco Central.

O serviço ofertou consulta médica, de Enfermagem e distribuição de medicamentos, bem como vacinação contra a Covid-19, com aplicação de 950 doses do imunizante para pessoas a partir de 5 anos.

saúde na comunidade

“Ouvimos as demandas dos moradores para oferecer assistência de qualidade, com consultas, exames e ações sociais. Ficamos felizes quando levamos atendimento o mais próximo possível dos locais onde o nosso cidadão reside”, destacou o prefeito Mário Alexandre.

A iniciativa visa descentralizar o serviço e atender as necessidades e características de cada localidade. Além do atendimento médico, a ação itinerante disponibiliza exames laboratoriais e exames de imagem, mediante agendamento prévio realizado pela equipe de saúde.

 Sesau agradece empenho e quita salários de funcionários que atuaram no Centro Covid-19

Centro Covid-19

A Secretaria Municipal de Saúde (Sesau) agradeceu a dedicação dos 152 profissionais contratados temporariamente para atuar no enfrentamento do coronavírus em Ilhéus. Lotados no Centro de Atendimento Covid-19, os funcionários auxiliaram a administração municipal, desempenhando suas funções com maestria durante pouco mais de um ano.

A unidade foi montada exclusivamente para prestar assistência a casos da doença na cidade e na região sul da Bahia.

“O sentimento é de gratidão aos profissionais por toda atenção e dedicação com a nossa população. Expresso o reconhecimento àqueles que não pararam um minuto, que deixaram seus lares, arriscando a própria vida para salvar outras pessoas. Agradecemos a empatia e principalmente o amor ao próximo no ato de cuidar, mesmo diante de tantas dificuldades. Peço a Deus que continue abençoando e protegendo a todos”, disse o prefeito Mário Alexandre.

Em tempo, a Sesau informa que adotou as medidas necessárias para regularizar o pagamento dos salários dos funcionários. Conforme a secretaria, o repasse foi realizado na semana passada e os servidores receberam os valores que estavam em aberto.

Covid-19: Ilhéus ultrapassa marca de 80% da população acima de 12 anos vacinada com as duas doses

vacinação; balanço vacinação

Ilhéus superou a marca de 100 mil pessoas vacinadas com as duas doses ou dose única contra a Covid-19, de acordo com os dados da Secretaria de Saúde (Sesau). Até o momento, a segunda dose já foi aplicada em 130.846 pessoas, totalizando 84,10% da população vacinável com idade igual ou acima de 12 anos.

Conforme a Sesau, no período compreendido entre 1º e 28 de fevereiro foram ministradas 20.529 unidades da vacina, das quais 1.472 correspondem ao primeiro ciclo (D1) e 3.388 referem-se ao segundo ciclo (D2), além de 11.514 doses de reforço (terceira dose), aplicação de 49 vacinas relativas à 4ª dose para imunossuprimidos e 4.106 doses pediátricas.

A Sesau reitera que mesmo com o avanço da vacinação é essencial manter as medidas de prevenção, com uso de máscara de proteção, higienização das mãos e distanciamento físico. Os dados também são divulgados no painel de acompanhamento da cobertura vacinal Covid-19 da Secretaria da Saúde do Estado da Bahia (Sesab).

Orientação aos faltosos – De acordo com informações repassadas pela Sesau, a procura pela dose de reforço está baixa em Ilhéus. Mesmo com as estratégias adotadas pela Prefeitura para facilitar o acesso do público aos pontos de imunização, que incluem vacinação noturna e descentralização do serviço, muitas pessoas ainda não tomaram a 3ª dose.

Estão aptas para tomar a dose de reforço pessoas acima de 18 anos que receberam a 2ª há quatro meses ou mais. Basta comparecer aos pontos de vacinação informados diariamente, conforme horários específicos.

Até a última quinta-feira (24), a cidade registrou 45.588 faltosos. A secretaria destaca a importância de completar o esquema vacinal para reduzir o risco de contaminação e agravamento de casos da doença.

Balanço mensal da vacinação contra a Covid-19 em Ilhéus

Período

De 1º a 15 de fevereiro

De 16 a 28 de fevereiro

Dose

D1

D2

D3

D4

D1

D2

D3

D4

Total

Total

3.577

1.980

6.222

28

2.001

1.408

5.292

21

20.529

Fonte: Secretaria Municipal de Saúde (Sesau)

Ilhéus reforça campanha de vacinação contra o sarampo; confira público-alvo

saude, vaciana , triplice viral

A Secretaria Municipal de Saúde (Sesau) iniciou nesta semana a campanha para intensificar a vacinação contra o sarampo em Ilhéus. O objetivo da ação é alertar a população sobre a importância da aplicação da tríplice viral, que também protege contra a caxumba e a rubéola. Conforme a Sesau, a estratégia contempla crianças a partir de 1 ano e adultos até 59 anos, com foco no público que ainda não tomou as doses previstas no calendário nacional de imunização.

O serviço está disponível nas salas de imunização do município, de acordo com horários específicos. É necessária a apresentação do documento de identificação e do cartão de vacinação.

As unidades de saúde que aplicam o imunizante contra a Covid-19 ofertarão a tríplice viral no turno oposto. A Sesau explica que o ideal é que crianças de 1 ano tenham tomado a 1ª dose; já crianças com 1 ano e 3 meses devem receber a 2ª dose. Pessoas até 29 anos e profissionais de saúde independentemente da idade, que não tenham tomado a vacina, devem receber as duas doses, com intervalo de 30 dias. Adultos de 30 a 59 anos devem receber uma dose do imunizante, caso não tenham se vacinado.

O sarampo é uma doença viral altamente contagiosa que pode evoluir para complicações e levar à morte, sendo uma das maiores causas de óbitos entre crianças não vacinadas. A prevenção é feita por meio da aplicação da vacina.

Procure uma unidade de saúde perto da sua casa. Vacine-se!

Estudantes com mais de 18 anos terão que apresentar comprovante de vacinação contra Covid-19 nas escolas

Nesta  segunda (7), começam as aulas de forma 100% presencial em todas as unidades de ensino da rede pública estadual. Neste retorno, será obrigatória a apresentação do cartão de vacina, na portaria das escolas, para os estudantes maiores de 18 anos. A regra também é válida para a comunidade escolar que deseje ter acesso às unidades de ensino, atendendo ao decreto governamental que exige o comprovante para entrar em prédios públicos estaduais. A medida é mais uma forma de prevenir a disseminação do Coronavírus, que vai contar também com o uso obrigatório de máscaras, ventilação dos ambientes e disponibilização de álcool em gel para higienização das mãos, conforme os protocolos de biossegurança.

O superintendente de Planejamento Operacional da Rede Escolar da Secretaria da Educação do Estado da Bahia (SEC) Manoel Calazans, ressalta a importância de todas as pessoas, independente da idade, seguirem as recomendações dos órgãos de Saúde e entidades científicas na atualização da carteira de vacinas. “A escola precisa reforçar e destacar a importância de acreditar na vacina e na ciência. Os estudantes que não estiverem vacinados, poderão ter acesso à escola, porém vamos fazer um trabalho educativo sobre a importância da vacinação com toda a comunidade. Esperamos que as famílias que ainda não foram vacinadas sejam sensibilizadas com a importância do ato”

Covid-19: Vacinação itinerante chega ao Residencial Vilela nesta quarta-feira (22)

Vacinação

A Secretaria Municipal de Saúde (Sesau) informa que a vacinação itinerante contra a Covid-19 acontece nesta quarta-feira (22), no salão de festas do Residencial Vilela, das 8h às 15h. A ação visa ampliar a cobertura e atender a população apta a receber a vacina, com aplicação da 1ª, 2ª e 3ª dose do imunizante.

O serviço itinerante tem o objetivo de expandir a vacinação para beneficiar os públicos-alvo preconizados na campanha. A Sesau reforça que a estratégia segue normalmente nas unidades previamente comunicadas, conforme horários específicos.

Documentação – Para tomar a 1ª dose o público deve portar CPF, cartão do SUS, comprovante de residência e cartão de vacinação, caso possua. Já para receber a 2ª dose é imprescindível a apresentação do CPF, cartão SUS e cartão de vacinação constando a primeira aplicação.

A dose de reforço será aplicada mediante apresentação do CPF, cartão do SUS, comprovante de residência e cartão de vacinação constando as duas aplicações.

Vacine-se! Vacina salva vidas!

Serviço

Vacinação itinerante

Local: Salão de festas do Residencial Vilela

Data: 22 de dezembro de 2021

Horário: Das 8h às 15h

Prefeitura de Ilhéus encerra Novembro Azul com ações voltadas à saúde do homem

Novembro Azul

A Prefeitura de Ilhéus, por meio da Secretaria de Saúde (Sesau), ofertou diversos serviços voltados à Campanha Novembro Azul, com foco na prevenção ao câncer de próstata. A ação aconteceu na sexta-feira (26), no Centro de Convenções, e atendeu 350 homens. O mutirão contou com o apoio das Drogarias Velanes, Faculdade Madre Thaís e Lions Clube Ilhéus Centro.

O público masculino teve acesso a palestras; consultas com urologista; cardiologista; clínico geral; nutricionista; além da realização de Eletrocardiograma e exames de laboratório: PSA, sorologias para Hepatites, HIV e Sífilis. Também foi ofertada vacinação contra a Influenza (gripe) e contra a Covid-19, com aplicação da 1ª, 2ª e 3ª dose do imunizante.

Novembro Azul

“Evento dez. Prevenção dez. Fiquei feliz em ver o tratamento recebido”, avaliou o aposentado Valdir Bahia, de 72 anos. Para Augusto Fidelis, de 63 anos, “O mutirão foi bem organizado. Assistência certa. Agradeço ao prefeito Marão pela iniciativa”, disse.

O prefeito Mário Alexandre compareceu à ação e destacou a importância do cuidado com a saúde preventiva. “Vamos driblar o preconceito. Aproveitando o Novembro Azul, nós realizamos esse mutirão para prevenir doenças, que podem levar ate à morte. Eu fiquei muito feliz em ver que os homens estão entendendo a necessidade de realizar exames de forma regular. Agradeço a todos os profissionais envolvidos nesta ação. É isso que a gente quer. Continuar trabalhando para o nosso povo”.

Novembro Azul

A campanha Novembro Azul reforça a conscientização masculina sobre o câncer de próstata. De acordo com o Instituto Nacional de Câncer (INCA), a doença é o segundo tipo de câncer mais frequente entre os homens brasileiros, contudo, com o diagnóstico precoce, as chances de cura são de 90%.

A Sesau informa que os pacientes que não conseguiram ser atendidos pelo urologista durante o mutirão serão reagendados pela Central de Regulação. O dia e horário da consulta serão comunicados previamente, conforme orientação do setor responsável.

Comunicado: Suspensão temporária da aplicação da Pfizer em Ilhéus

Comunicado

A Secretaria Municipal de Saúde (Sesau) informa que a aplicação da vacina da Pfizer está suspensa em Ilhéus nesta quarta-feira (24). De acordo com a secretaria, a suspensão é temporária e se deu por conta da falta de estoque deste imunizante no município. Por esse motivo, a estratégia programada para quarta-feira não atenderá o público apto a receber a segunda dose da vacina nem adolescentes de 12 a 17 anos.

A aplicação da dose de reforço (3ª dose) para pessoas acima de 18 anos que receberam a segunda dose há mais de cinco meses também está suspensa na data mencionada.

Conforme informações do Núcleo Regional de Saúde Sul (NRS/Sul), a nova remessa está prevista para chegar ao município na tarde desta quarta-feira (24). A Sesau, por sua vez, esclarece que o serviço será retomado após o repasse das doses. Os horários e pontos de vacinação são divulgados diariamente, por meio dos canais oficiais da Prefeitura.

Ministério da Saúde estenderá dose de reforço a toda a população adulta

Tempo para dose reforço cairá para cinco meses Foto: STEPHANE MAHE / Reuters
Tempo para dose reforço cairá para cinco meses Foto: STEPHANE MAHE / Reuters

— Acima de cinco meses da segunda dose, independente da idade, já se pode buscar a sala de imunização. Ocorre que, no início da campanha, foi por faixa etária e também em função de comorbidades. Então, acaba seguindo esse mesmo cronograma: aqueles que têm a vacina mais antiga vão ter acesso (ao reforço) primeiro — afirmou o ministro Marcelo Queiroga.

A dose de reforço será, preferencialmente, da Pfizer. Na falta dela, Janssen ou AstraZeneca devem ser administradas. A decisão se baseia nos resultados preliminares de estudo da Universidade de Oxford, encomendado pela pasta, que mostra que a vacinação heteróloga, isto é, com imunizantes de laboratórios diferentes, aumenta a resposta imune. Segundo a pasta, 10.751.598 pessoas já receberam a dose de reforço até o momento.

— Nós vamos ampliar (a dose de reforço) para todos os brasileiros que tenham tomado a vacina que for há pelo menos cinco meses — disse Queiroga, que completou: — Nós temos doses de vacina suficientes para garantir que cheguem tempestivamente a todas as 38 mil unidades de saúde no Brasil.

A pasta estima que, a partir de agora, 100 milhões de pessoas estarão aptas a recebê-la, sendo 12,4 milhões em novembro, 2,9 milhões em dezembro, 12,4 milhões em janeiro, 21,5 milhões em fevereiro, 29,6 milhões, 19,6 milhões em abril e 4,3 milhões em maio.

A avaliação de integrantes da área técnica para a medida é positiva, como apurou O GLOBO. Eles avaliam pesquisas que mostram a queda da proteção vacinal com o passar do tempo e aguardam resultado de novas publicações.

Atençao: Ilhéus e Itabuna tem novos registros da Variante Delta

Análises da Fundação Oswaldo Cruz apontaram mais 55 amostras da variante Delta da Covid-19, no estado. Com estes novos registros, a Bahia tem ao todo 190 casos da variante sequenciadas, com três óbitos.

Os casos positivos para a variante delta foram identificados em 47 municípios, com maior número de casos em Salvador (39), Pé de Serra (19), Lauro de Freitas (12), Bonito (11), Feira de Santana (9), Baixa Grande (7), Riachão do Jacuípe (7) Ilhéus (7), Camaçari (6) e Nova Fátima (6).

A secretária da Saúde do Estado, Tereza Paim, relata que a variante Delta atualmente é a predominante nas amostras sequenciadas. “É um fato que nos preocupa, por isso continuamos a afirmar que as pessoas não devem achar que não temos mais o vírus da Covid-19 circulando. Ainda temos que continuar a usar máscaras e devemos nos vacinar, tanto com a primeira quanto com a segunda dose”, afirma Tereza Paim.

O Laboratório Central de Saúde Pública da Bahia (Lacen-BA) também tem feito sequenciamento no estado. De acordo com a diretora geral do Lacen-BA, Arabela Leal, “Estamos concentrando atenção nas amostras provenientes de municípios com aumento do percentual de casos.

Reconhecido como a 3ª maior unidade de vigilância laboratorial do país e classificado na categoria máxima de qualidade pelo Ministério da Saúde, o Lacen-BA analisou amostras de mais de 200 municípios dos nove Núcleos Regionais de Saúde.

 

Veja a relação de cidades e casos:

variante delta

 



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia