WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia

bahiagas prefeitura de ilheus prefeitura ilheus secom bahia

novembro 2021
D S T Q Q S S
« out   dez »
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
282930  

:: 12/nov/2021 . 8:06

Denúncia: Quais o critério usado pelo SINDICATO DOS ESTIVADORES E DO OGMO ILHÉUS na seleção do quadro de Trabalhadores cadastrados nessas instituições.

denunicia foto

Como pode justificar a contratação de um trabalhador com 3 anos de contribuição e a não contratação do trabalhador com mais de 15 anos de trabalho?
No dia 11/10/2021, foi publicado o edital 2021, com a lista dos candidatos para selecionado para comparecerem entre os dias 14/10/2021 à 27/10/2021, para inscrição de acesso ao quadro de TPAs Estivador Registrados.
A forma em que é feita a seleção desses trabalhadores cadastrados também chamados (Carterão), é o que causa insatisfação por parte da categoria. Como é possível um trabalhador com mais de 15 anos de serviço não ser convocado e outros com menos de 3 anos de serviço ser beneficiado. Se o critério de seleção é a contribuição que é feita através da frequência de trabalho apor logica quem tem mais tempo de trabalho tem mais contribuição.
O SINDICATO DOS ESTIVADORES DE ILHÉUS, entidade de classe, responsável pela intermediação entre o trabalhador e o OGMO, é fiscalizado por quem?
E (OGMO) Órgão Gestor de Mão de Obra, classificada como entidades sem fins lucrativos que atuam no setor portuário, possuindo caráter administrativo, fiscalizador e profissionalizante.
Cabe aos OGMOs, além da administração da escala de trabalhos portuários, responder pelo cadastramento, registro, controle e fiscalização da mão-de-obra e pelo pagamento dos encargos sociais e previdenciários relativos aos trabalhadores avulsos. é fiscalizado por quem?
Será que a apadrinhamento na seleção desses trabalhadores?
Será que o Ministério do Trabalho do Estado fiscaliza esses órgãos quanto a seu funcionamento e modos operandis.
Com a palavra Presidente do Sindicatos e/ou Diretores

Nota de Pesar: Prefeito Mário Alexandre

Nota de pesar

O prefeito Mário Alexandre manifesta profundo pesar pela passagem do jovem deputado estadual João Isidório (Avante), filho do pastor e deputado federal Sargento Isidório, que veio à óbito na tarde desta quinta-feira, 11, por afogamento na praia de Loreto, cidade de Madre de Deus, região metropolitana de Salvador.

Diante desta irreparável perda, que Deus, em sua infinita misericórdia, conceda o conforto espiritual e força a toda família, amigos e correligionários.

A Bahia de Luto: Morre o Cantor, parlamentar mais votado da BA e parceiro do pai. Conheça João Isidório, deputado estadual baiano que morreu ontem, quinta-feira

 Morre deputado estadual João Isidório; ele estava na praia do Loreto, na Ilha dos Frades, quando se afogou.
O deputado estadual João Isidório (Avante), que morreu nesta quinta-feira (11), após se afogar depois de um mal súbito, tinha 29 anos e foi o deputado estadual mais votado da Bahia nas últimas eleições.

João Isidório morreu após sofrer um mal súbito e se afogar. Ele passou o dia com a família na ilha, que pertence a Salvador. Segundo familiares, quando retornava para Madre de Deus, ele sofreu um mal súbito, e em seguida teria se afogado.

Nascido em 26 de janeiro de 1992, João Isidório foi eleito para o primeiro mandato como deputado estadual nas eleições de 2018. Filiado ao Avante, ele recebeu 110.540 votos e foi o parlamentar mais votado do estado para a Assembleia Legislativa.Antes de ser eleito deputado estadual, João trabalhava com o pai, Pastor Sargento Isidório, que atualmente é deputado federal.

Pai de três crianças, duas adotivas e uma biológica, João Isidório era evangélico e cantor gospel. Ele cantava acompanhado dos “Timbaleiros de Cristo”, grupo formado por pessoas acolhidas na Fundação Dr. Jesus, de onde era coordenador. A entidade, liderada pelo pai, Pastor Sargento Isidório, realiza tratamento e acolhimento de dependentes químicos.

Na Assembleia Legislativa da Bahia, João Isidório era o atual vice-líder do bloco da maioria. Além disso, ele integrou as comissões de Defesa do Consumidor e Relações de Trabalho; Direitos Humanos e Segurança Pública e atualmente era suplente das comissões Especial da Promoção da Igualdade; Direitos Humanos e Segurança Pública; Especial para Avaliação dos Impactos da Pandemia do COVID-19 e de Constituição e Justiça.

Repercussão

Após a morte de João Isidório, partidos e políticos lamentaram a morte do parlamentar. O governador da Bahia, Rui Costa, decretou luto de três dias no estado.

O senador Angelo Coronel divulgou nota onde se solidariza com familiares e amigos do parlamentar. “A Bahia perde um jovem talentoso, conciliador, filho exemplar. O Nosso João. Que tristeza. Eu e Eleusa nos solidarizamos com toda a família e amigos. Que Deus os conforte por essa falta.”

O senador Jaques Wagner (PT) também falou sobre a morte do deputado. “Perdemos um jovem com futuro promissor e que ainda tinha muito a contribuir com a Bahia. Nossa solidariedade e abraço à família, especialmente ao amigo Pastor Sargento Isidório”, disse.

O presidente da Assembleia Legislativa da Bahia, Adolfo Menezes divulgou nota onde lamenta a morte do colega. “É mais um golpe muito duro nestes tempos de luto. João era um companheiro muito leal, discreto, mas com um trabalho social de largo alcance em Candeias, com a ressocialização de usuários de drogas, em parceria com o seu pai, o deputado federal Sargento Isidório. A morte é sempre dolorosa, mas, quando alcança um jovem de 29 anos, é pura crueldade”, declarou Menezes.

A Assembleia Legislativa da Bahia divulgou nota onde diz que o deputado era ” jovem, atuante e com uma trajetória pela frente”.

Ilhéus: Mário Alexandre remarca entrega do Canal do Malhado para terça com a presença do governador

Canal do Malhado

O prefeito Mário Alexandre lamenta o falecimento do deputado estadual João Isidório, aos 29 anos, ocorrido nesta quinta-feira (11). O parlamentar foi vítima de afogamento na Praia do Loreto, na cidade de Madre de Deus, região metropolitana de Salvador. João era filho do deputado federal Pastor Sargento Isidório.

O chefe do Executivo municipal adiou a entrega da obra de fechamento de trecho do Canal do Malhado, que seria realizada nesta sexta-feira (12), com a presença do governador Rui Costa, devido à morte do deputado. A Prefeitura informa que a nova data de entrega da obra foi marcada para a próxima terça-feira (16), às 9h, e contará com a participação do dirigente estadual e sua comitiva.

“Peço a Deus que dê força à família do nosso querido deputado João Isidório. Certamente o seu legado ficará na memória do povo baiano e de todos aqueles que acompanhavam o seu trabalho, com respeito e admiração”, disse o prefeito. João Isidório foi o deputado estadual mais votado da Bahia em 2018, com 110.540 votos.

Ilhéus: Prefeitura firma parceria com o CIC e SENAR para capacitação e assistência técnica gratuitas

..
..
..

A secretária de Desenvolvimento Econômico e Inovação da Prefeitura de Ilhéus, Soane Galvão, esteve reunida com o diretor-científico do Centro de Inovação do Cacau (CIC), Cristiano Vilela, e o Coordenador de programas do Senar Bahia, Aloísio Junior, para dialogar sobre a participação do município por meio de uma parceria no programa ATEG Cacau, nesta última quarta-feira, 10, na Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC). Assistência técnica e capacitação gratuitas para produtores rurais de Ilhéus serão ofertadas por meio da parceria também por meio do apoio do Sindicato Rural, com o objetivo de promover a melhoria da qualidade da amêndoa do cacau e transferir tecnologia para o município.

“O interesse de Ilhéus nessa parceria é alavancar esse programa institucional para apoiar a cacauicultura, o produtor de uma forma geral, o agricultor familiar e organizar o movimento de cooperativismo. Nosso objetivo é valorizar a cacauicultura e fortalecer vetores econômicos do município. Tenho certeza que unindo forças, podemos, juntos, produzir amêndoas de cacau de elevada qualidade, inserindo, assim, muitos produtores em uma fatia diferenciada do mercado. Isso é inovação”, destacou a secretária Soane Galvão.

De acordo com o Senar, o programa ATEG Cacau, contemplará 1500 produtores distribuídos em cinquenta grupos, com cinco etapas durante dois anos. Dentre as etapas, estão o diagnóstico da propriedade, planejamento, adequação tecnológica individualizada, capacitação e análise de resultados. “Com as recomendações técnicas, o assistente técnico que realizará visitas mensais em  cada propriedade em um período de 4 horas, fornecerá ao produtor um novo planejamento para o próximo ano. O diferencial da assistência técnica é a abordagem com ênfase na gestão de propriedade com o sistema de lançamento de dados técnicos e econômicos, de modo que com o tempo, o produtor vai poder olhar claramente quanto está custando a arroba para produzir, o custo bruto e operacional”, explicou o Coordenador de programas do Senar Bahia, Aloísio Junior.

O assessor técnico Pedro Zanetti, da GIZ, Agência de Cooperação Alemã, presente na reunião também dialogou sobre possibilidade de promover capacitação dos técnicos agrícolas para o Cadastro Ambiental Rural (CAR) e o Cadastro Estadual Florestal de Imóveis Rurais (Cefir), momento em que o Assessor Técnico Especial da SDE, Vinícius Briglia, destacou a importância desse trabalho para uma parceria futura.



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia