WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia

faculdade de ilheus policlinica itabuna

agosto 2019
D S T Q Q S S
« jul   set »
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031

:: 30/ago/2019 . 12:16

Transporte como Direito Social foi tema de Audiência Pública na Câmara de Ilhéus

Na manhã da quinta-feira (29), o plenário Gilberto Fialho, da Câmara Municipal de Ilhéus, recebeu representantes de várias instituições e órgãos como OAB, UESC, associações de pessoas com deficiência e sociedade civil para discutir a Emenda Constitucional nº 90/2015, que incluiu o transporte público como um dos direitos sociais na Constituição Federal Brasileira. A realização da audiência partiu de uma solicitação do Instituto Nossa Ilhéus, por meio do projeto MobCidades, e foi convocada pelo vereador Makrisi Angeli.

A palestrante Cleomar Manhas, assessora política do Instituto Nacional de Estudos Socioeconômicos (INESC), apresentou vários dados sobre a aplicação do transporte como direito social e como ele pode transformar a vida das pessoas. Ela afirmou que o transporte de qualidade precisa ser integrado e que é preciso investir em transportes que utilizam energia limpa, bem como em ciclovias e ciclofaixas.

A sociedade também aproveitou a oportunidade para apresentar várias inquietações sobre a situação do transporte coletivo como ônibus sucateados, ruas esburacadas, falta de fiscalização, dificuldade de acessibilidade para pessoas surdas, necessidade de melhoria no atendimento à população por parte dos condutores, entre outros. Após a discussão uma ata com as resoluções retiradas da audiência foi criada e irá somar esforços para que providências sejam efetivas no tocante ao transporte coletivo.

Vereador Lukas Paiva leva melhorias para Inema

Nesta quarta-feira (28), o vereador Lukas Paiva (PSB) esteve em Inema, distrito de Ilhéus, levando melhorias à comunidade que fica a 100 km da sede.

O vereador entregou à comunidade material para revitalização do Posto de Saúde que está fechado, além de levar um eletricista para consertar a bomba de água, que abastece as residências da localidade.

Paiva também informou que a reabertura do posto de saúde e da praça é uma reivindicação da população, mas devido a problemas estruturais, vem dificultando o acesso a saúde. “ Agora vamos cobrar da Secretaria de saúde, profissionais como médico e enfermeiros para prestar serviço a comunidade”, salientou Lukas.

Outro problema afeta a comunidade, a situação precária das estradas que dão acesso a Inema. Lukas informou que em breve, junto com o governo municipal, vai recuperar as duas estrada  Inema- União Queimada / Inema – Coaraci.

Rui Costa faz entregas de pavimentação e abastecimento de água em Retirolândia na segunda-feira

rui meio ambinte

A semana começa com novidades para a população de Retirolândia, no nordeste baiano. Na segunda-feira (2), a partir de 9h, o governador Rui Costa vai estar na cidade para inaugurar as extensões de rede de água encanada nos povoados de Riacho Fundo, Sapecado, Baixo do Couro, Vargem 1 e Pedrinhas, o sistema de esgotamento sanitário nas ruas da sede e as pavimentações em paralelepípedo no bairro Almir Oliveira, na avenida do Povoado de Vargem e na Rua Adelídio Martins.

Haverá ainda a entrega da pavimentação asfaltada no acesso à rodovia BA 120, 1.352 Cadastros Ambientais Rurais (CAR) para imóveis da região e 14 viaturas para a Polícia Militar dos municípios de Araci, Barrocas, Biritinga, Conceição do Coité, Ichú, Lamarão, Retirolândia, Santa Bárbara, Santa Luz, Santanópolis, São Domingos, Serrinha, Teofilândia e Valente. O governador aproveita a ocasião para autorizar e celebrar o convênio do projeto Bahia Produtiva, referente ao edital Qualificação de Agroindústrias e encerra esta ida à Retirolândia com uma visita ao Colégio Estadual Olavo Alves Pinto.

Governo entrega 120 viaturas para municípios do leste baiano e anuncia novos investimentos para segurança

Visualização da imagem

O policiamento preventivo e ostensivo de 88 municípios baianos será reforçado com a chegada de 120 novas viaturas destinadas à Polícia Militar da Bahia (PMBA). O governador Rui Costa fez a entrega dos veículos na manhã desta sexta-feira (30), no 1º Batalhão de Ensino, Instrução e Capacitação (BEIC), em Feira de Santana, onde também inaugurou uma pista de atletismo de dimensões oficiais.

“Com essa entrega vamos ampliar o patrulhamento, e também estamos licitando um projeto de monitoramento através de câmeras, de forma que as imagens sejam processadas pela tecnologia, que aciona o comando. Com esse sistema, dezenas de criminosos já foram presos em Salvador, então estamos licitando isso para colocar inicialmente em 56 cidades da Bahia, para ter esse serviço reforçado e ampliado”, afirmou o governador Rui Costa.

O titular da Secretaria de Segurança Pública do Estado, Maurício Barbosa, destaca que a entrega das viaturas é muito importante para a região Leste, principalmente para Feira. “Essa ação de hoje reforça a melhoria da infraestrutura da segurança pública, que vem sendo implantada pelo governo estadual, inclusive com aquisição de armamentos, materiais de perícia, coletes e outros itens que integram o dia a dia do policial”, ressaltou o secretário.

A ação desta sexta-feira integra um investimento de R$19 milhões, referente a um contrato global válido por 30 meses, que permite o uso e manutenção das viaturas distribuídas em todo o território estadual. Na entrega em Feira, 20 unidades pertencentes à PMBA, entre Companhias Independentes e Batalhões, receberam veículos, beneficiando três milhões de baianos.

A 97ª Companhia Independente da Polícia Militar, responsável pelo policiamento em Irará e outros três municípios, foi uma das contempladas. O major João Himério, comandante da unidade, acredita que se trata de uma melhoria técnica com impacto na motivação aos policias. “Quando se dá melhores condições de trabalho à tropa, isso se reflete na operacionalidade”, afirmou.

Atletismo

O equipamento esportivo, que recebeu R$403 mil em investimentos do Estado, vai permitir a prática de treinos e competições de corrida, lançamento de peso, corrida de obstáculos, lançamento de martelo, salto em altura, salto com vara 50 metros e salto em distância.

O comandante geral da PMBA, coronel Anselmo Brandão, conta que escolas da região vão usar o equipamento para realizar competições. “Essa pista tem um sentido muito social do nosso trabalho. Faz parte da orientação do governador Rui Costa para que os quarteis fossem abertos para o oferecimento de serviços, de modo a aproximar a corporação da comunidade”, avaliou.

Abastecimento de água

Antes de seguir para Serra Preta, onde cumpre a segunda parte da agenda desta sexta, Rui ainda assinou ordem de serviço visando à ampliação do Sistema Integrado de Abastecimento de Água de Feira de Santana, no Setor Tomba, com investimento de R$50 milhões, com isso o governo estadual completa R$600 milhões de investimento no tratamento de água e esgoto somente em Feira de Santana.

Prefeito discute implantação de novo presídio em Ilhéus

Prefeito discute implantação de novo presídio em Ilhéus. Foto Abimael Moura-Secom. 3

A construção do novo presídio no município pautou a reunião na tarde de quinta-feira (29). O prefeito de Ilhéus, Mário Alexandre recebeu em seu gabinete o diretor do Presídio Advogado Ariston Cardoso, o tenente coronel da Polícia Militar da Bahia, Gustavo Rebouças e a secretária municipal de Educação, Esporte e Lazer, Eliane Oliveira. Na ocasião, o diretor da unidade prisional destacou as condições precárias do estabelecimento e reforçou a viabilização de um novo presídio em Ilhéus.

Mário Alexandre destacou que é de extrema importância o município possuir condições para assegurar ações que potencializem a segurança pública. “Além de garantir medidas preventivas de segurança aos munícipes, deve garantir a proteção dos turistas que frequentemente visitam a cidade. A gestão pública, em todos os âmbitos tem o dever de tomar decisões precisas, no intuito de resolver as condições adversas existentes”.

A área destinada à construção do presídio necessita ser preferencialmente plana, próxima a uma via de acesso que possua saneamento básico e onde possa ser instalada energia elétrica. O terreno deve possuir entre 20 e 60 mil metros. Gustavo Rebouças lembrou que quando iniciou a gestão, o presídio Ariston Cardoso possuía 560 detentos. O diretor explicou que por meio do projeto, a SEAP pretende construir alas femininas, além de espaço para os presos condenados em regime semiaberto.

Parceria – A iniciativa é uma parceria entre o Governo do Estado e o Município. Rebouças esclareceu que o projeto ainda necessita de uma análise estrutural para a definição do espaço físico. “O prefeito demonstrou preocupação com a proposta e junto à secretaria de infraestrutura do município irá deliberar o processo, atendendo à legislação e às exigências da SEAP”, informou o tenente coronel da Polícia Militar.

“Há quatros anos assumi a direção do presídio e desde então tenho me empenhado na luta para a construção de um novo equipamento, no qual seja possível oferecer um espaço melhor para os servidores, para os detentos, para os advogados e para os familiares dos detentos. A Secretaria de Administração Penitenciária e Ressocialização já sinalizou a existência de recursos para a construção de duas unidades no eixo Ilhéus-Itabuna”, adiantou Rebouças.

Com o passar dos anos o número de presos foi reduzido paulatinamente. Alguns módulos foram interditados por questões estruturais e hoje o presídio de Ilhéus abriga 102 presos provisórios do sexo masculino. Os presos condenados no regime semiaberto são transferidos para Itabuna e os presos que cumprem pena em regime fechado são conduzidos até Barreiras, cidade distante mil quilômetros de Ilhéus.

Mais de cinco mil pacientes deixam de comparecer a exames em Ilhéus

Central de Regulação

Muitas pessoas aguardam por vagas para realizar exames laboratoriais, contudo a Central de Regulação, departamento da Secretaria Municipal de Saúde (Sesau), explica que a oferta está sendo comprometida em virtude da crescente ausência aos agendamentos. De acordo com dados levantados pelo setor, no mês de agosto foram totalizadas mais 5.300 desistências, fato que agrava a fila de espera do município.

O supervisor da Central de Regulação da Sesau, Fábio Mantena destaca que além de acarretar problemas para a população em geral, a falta de comparecimento prejudica o trabalho dos prestadores de serviços conveniados pelo SUS – Sistema Único de Saúde, uma vez que não alcançam o teto financeiro estipulado para faturamento dos serviços.

“A ausência gera uma lacuna na oferta de serviços e resulta em prejuízos nos recursos públicos direcionados ao atendimento da população e o trabalho, que de certa forma, é reprimido. Algumas especialidades demandam um período de espera maior e não é possível transferir o agendamento em tempo hábil para outros pacientes. Por esse motivo é importante que o usuário compareça”, alertou.

Agendamentos – Para melhorar o atendimento, a Prefeitura de Ilhéus construiu e reformou dezenas de Unidades Básicas de Saúde (UBS) e ampliou a oferta de procedimentos e serviços. Mantena esclarece ainda que a média diária de abstenção é de 40 agendamentos. O paciente faltoso recebe uma advertência e fica suspenso do sistema de marcação pelo período de três meses.

A Sesau recentemente aumentou o número de unidades de saúde com marcadores, a exemplo do Alto do Coqueiro e Banco da Vitória, que continuará a atender a comunidade residente no Morada do Porto, Vila Cachoeira e distrito do Japu. A unidade de saúde de Sambaituba também atenderá as comunidades de Aritaguá, Vila São João, Vila Olímpio e Ribeira das Pedras, na zona norte.

Mantena reforça que a regulação de baixa complexidade é realizada diretamente nas UBSs, e após o fechamento da agenda, o paciente precisa aguardar o intervalo de cinco dias para retornar à unidade e realizar a marcação. Todavia, as datas e os serviços estão disponibilizados para consulta. Os serviços de média e alta complexidade são regulados através do Sistema Lista Única da Secretaria da Saúde do Estado da Bahia (Sesab).

A Central de Regulação de Ilhéus avisa que possui um endereço na rede social Instagram. Na plataforma estão disponíveis informações diárias, com calendário, especialidades e exames liberados para agendamento.

Repassar fake news em saúde pode colocar a vida de outros em risco

Geraldo Magela lamenta quantidade de fake news e alerta a população sobre os perigos. Foto Clodoaldo Ribeiro-Secom.

As “fake News” estão se fortalecendo cada vez mais e isso tem preocupado o País. Enfrentá-las é um desejo antigo, principalmente para quem trabalha com saúde e os prejuízos são consideravelmente enormes. Entretanto, o tema ganhou atenção nacional e um Marco Civil da Internet, que trata da previsão de princípios, garantias, direitos e deveres, está ampliando a discussão. Em Ilhéus, as notícias falsas ganham novos protagonistas.

Recebemos na sala da imprensa o titular da Saúde em Ilhéus (Sesau), Geraldo Magela. No entendimento do gestor, não precisa ser um especialista no assunto para saber que com a facilidade de comunicação trazida pela Internet, as fake news têm maior repercussão por esse meio do que pela televisão ou rádio. “Com a opção de compartilhamento, as notícias têm maior alcance e se espalham muito rapidamente, causando grande impacto na vida das pessoas”, avaliou.

Prejuízos – Como disse o Observatório da Imprensa, “Brasil é terreno fértil para fake news”. Muita gente tem um fraco por dietas milagrosas e aquela verdade que ninguém deseja que você saiba, mas que está chegando anonimamente até você, direto no celular. Mas afinal, o que pode acontecer com quem publica fake news? O que a legislação diz sobre as notícias falsas e o que fazer para se proteger das fake news? São questionamentos que aparecem cada vez que este tipo de notícia causa algum tipo de prejuízo.

No entanto, o secretário classificou como leviano, a ação de pessoas maldosas com a missão de divulgar mentiras sobre o sistema de saúde no município de Ilhéus. “Detectamos uma fake News no caso dos pacientes renais que levou pessoas a passarem mal, provocando grave risco à saúde de pelo menos quinhentas pessoas. Estas ações podem afetar negativamente o estágio de tratamento, podendo debilitar e levar, consequentemente à morte”, lamentou o gestor.

Salvar vidas – Geraldo Magela ressaltou que equipes atuantes no sistema de saúde estão comprometidas em salvar vidas. “Intensificamos nos finais de semana a rotina de busca por UTIs e transferências. Na maioria das vezes, conseguimos, o que quer dizer que em algum momento pode acontecer de não conseguir. Sentimos quando há casos mais graves, tipo cardiológicos, que precisa fazer cirurgia numa criança, e aí, torna-se mais difícil e só se consegue em Salvador, por enquanto”.

Magela lembrou que o secretário da Saúde da Bahia, Fábio Vilas-Boas assegurou que em outubro começa a licitação da obra para transformar o antigo Hospital Regional em uma maternidade, com 20 leitos de UTI neonatal e mais 10 leitos de UTI pediátrica. “Então, na verdade a gente está fazendo esse esforço em parceria com o Governo do Estado, e até lá, teremos essa dificuldade, aliás, dificuldade enfrentada por vários municípios no País”, frisou.

E ponderou: “A população aumentou, muita gente de Itabuna está vindo para Ilhéus, sobrecarregando a nossa estrutura de saúde. Estamos indo conversar com o secretário Vilas-Boas para nos ajudar”. Magela desmistifica ainda para o fato de que quando se morre uma criança num hospital, não significa dizer que as crianças vão morrer. “Se o Vida Memorial é um hospital de referência, evidentemente os casos mais graves serão destinados para lá, ocorrendo o salvamento ou o óbito”.

Internações – O secretário afirma que a saúde em Ilhéus avançou e deu como exemplo, a quantidade de cirurgias realizadas. Segundo ele, as metas foram alcançadas e o município vai para 2.900 Autorização de Internação Hospitalar (AIHS). “Nunca se internou tanta gente, nunca se fez tanta cirurgia, justamente porque o município também nunca recebeu tantos pacientes de outros municípios, a exemplo de Itabuna, que enfrenta uma crise e está nos sobrecarregando”.

Caso vai à justiça – “Vale salientar que as informações na área da saúde precisam ser verdadeiras. A população pode perguntar, entrar em contato com a Ouvidoria, mas não deve reproduzir notícias falsas”, alertou. “Esse caso relacionados aos renais, por exemplo. A notícia falsa veiculada foi terrível para os pacientes. Já acionamos a Procuradoria-Geral do Município que entrará com uma ação, não só contra a emissora de rádio, mas também contra os comunicadores que divulgaram a falsa informação. “Entrei no ar por duas vezes e cercearam meu direito de falar, um absurdo”, disse Magela revoltado.

Mulher é morta a tiros após chamar homens de cornos em grupos de WhatsApp

 

Uma mulher que enviava áudios para grupos de WhatsApp chamando homens de corno foi morta a tiros no município de Brejo do Cruz, sertão da Paraíba. Nenhum suspeito do crime foi preso ainda.
Rosália Maia, 32 anos, foi assassinada enquanto voltava para casa, já na rua em que ela morava. Ela pilotava uma moto quando foi baleada e morreu.
A polícia trabalha com a linha de investigação de vingança, pois Maia tinha muitos desafetos. Ela costumava enviar mensagens para grupos de Whatsapp chamando homens de corno e praticando injúrias. Em um dos áudios, Maia fala nomes de supostos homens que estavam sendo traídos por suas mulheres e relata como os adultérios ocorreriam.

Vereador de Itapebi atira durante discussão com esposa e tiro atinge filho de 12 anos

Na noite desta quinta-feira (29) um vereador do município de Itapebi, no sul da Bahia, é suspeito de ter baleado o próprio filho de 12 anos, após uma discussão com a esposa. O caso ocorreu na residência da família, na Cidade Baixa do município. De acordo com as informações divulgadas pela imprensa local, Cristiano Pereira da Silva, de 38 anos, discutia com a esposa, quando sacou uma arma e desferiu vários disparos para o alto.
Uma das balas bateu no teto, ricocheteou e acabou atingindo uma das pernas do menino. A vítima foi socorrida ao Hospital Municipal de Itapebi e foi transferida, posteriormente, para o Hospital Regional de Eunápolis. O menino não corre risco de morte.

Dilma Rousseff aciona STF por vídeo em que Bolsonaro a compara a ‘cafetina’

A ex-presidente Dilma Rousseff apresentou uma queixa-crime contra Jair Bolsonaro no Supremo Tribunal Federal (STF). A ação é assinada pelo advogado e ex-ministro da Justiça Eugênio Aragão e outros cinco advogados e acusa Bolsonaro de ter cometido crime de injúria por ter compartilhado no Twitter, quando o então deputado comparou Dilma a uma “cafetina”.
A reportagem da revista Veja destaca que “a declaração foi um ataque à ex-presidente e à Comissão da Verdade, que apurou crimes contra os direitos humanos durante a ditadura militar, cujos sete integrantes foram indicados pela petista em 2012.”
A matéria ainda sublinha que “a queixa-crime protocolada pela defesa de Dilma foi distribuída à relatoria da ministra Rosa Weber. Conforme o artigo 86 da Constituição, o presidente da República “na vigência de seu mandato, não pode ser responsabilizado por atos estranhos ao exercício de suas funções”.

Repórter da TV Cabrália foi afastada

A direção da TV Record Cabrália Bahia decidiu afastar por tempo determinado a apresentadora Lo-Hanna Magnavita. A mesma se envolveu em uma confusão com um Policial Militar durante essa semana. O episódio teve repercussão nacional e através da rede social muitas pessoas cobraram uma postura da Rede Record. A confusão aconteceu nas imediações da praça do bairro Conceição, nas proximidades de um supermercado. A repórter filmou toda a confusão que viralizou pela rede social. Lo-Hanna Magnavita e seu esposo teriam presenciado uma ação do policial contra uma pessoa, acusada por ele de furto. Conforme nas imagens a confusão teria se desenrolado.



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia