WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia

secom bahia teatro itabuna secom bahia

abril 2019
D S T Q Q S S
« mar   maio »
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
282930  

:: 8/abr/2019 . 18:52

Prefeitura de Ilhéus promove mutirões sociais em vários locais da cidade

Atendimento da SDS leva serviços do Bolsa Família para comunidades do interior

A Prefeitura de Ilhéus, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Social (SDS) e o Centro de Referência de Assistência Social (Cras) itinerante, iniciou diversos mutirões sociais em todo o território, passando por distritos e localidades, com o objetivo de humanizar e aproximar os serviços para toda população. As ações já começaram no Distrito de Pimenteira, no último dia 26 de março.

Na próxima quarta-feira (10), o mutirão acontece no assentamento Frei Vantuy e no dia seguinte (11), será a vez do Couto, localizado na zona sul da cidade, receber a equipe da SDS. Serão oferecidos serviços como Cadastro Único, Bolsa Família, mapa do peso, Benefício de Prestação Continuada (BPC) e cartão do idoso.

A ação inclui também o atendimento do Cras e grupos de crianças do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos (SCFV). No dia 24 de abril, o mutirão social será realizado no distrito de Olivença. Para os usuários do BPC e passe, o atendimento continua normal, na sede antiga da SDS, localizada na Rua Mário Alfredo, ao lado Feijoada 19 de março, sempre de 7 às 13 horas.

Outros serviços, como bolsa família, mapa do bolsa família e cartão do idoso estão funcionando na sede atual da SDS, situada à Rua Almiro Vinhais, 45, atrás da farmácia municipal, próximo ao SESP. Além disso, os cinco Cras do município estão atendendo todos os serviços.

Confira o endereço e telefone de cada Cras:

  • Cras Olivença – Rua Lúcio Soub, 51, Olivença. (3269-1144) Cras Sul – Rod. Pontal-Buerarema, Km 1, Nossa S. da Vitória. (3632-5714)
  • Cras Vilela – Avenida Governador Paulo Souto, 625. (3633-7150)
  • Cras Oeste – Rua Duque de Caxias, 154. (3689-1677)
  • Cras Norte – Avenida Raimundo Sá Barreto, 539. (3634-1566)

O cidadão deve levar todos os seus documentos, principalmente RG, CPF, Título de eleitor e de todos que moram na mesma casa, comprovante de residência, carteira de trabalho.

Documentação para cada serviço – Cadastro Único (RG, CPF, carteira de trabalho e título de eleitor originais). Bolsa Família (RG, CPF, carteira de trabalho e título de eleitor originais, e documento original e comprovante de matrícula da mesma de criança). Cartão do Idoso Interestadual (RG, CPF, comprovante de endereço, título de eleitor e ter 60 anos). BPC (documentos originais pessoais e de todos que moram na mesma casa: RG, CPF, carteira de trabalho, título de eleitor, comprovante de residência, laudo médico para pessoas com deficiência e informar telefone para contato). Mapa do Peso (NIS e benefício em dia.

Parceria com a Uesc beneficia pacientes do Cadhi com projeto Diabetes Saudável

Acompanhar os hábitos alimentares dos pacientes, a fim de monitorar sua qualidade de vida, com coletas de exames e orientação profissional é o objetivo do projeto “Diabetes Saudável”, oferecido ao público atendido pelo Centro de Atenção a Hipertensos e Diabéticos (CADHI) de Ilhéus, vinculado à Secretaria Municipal de Saúde, na manhã de sexta-feira (5).

O projeto é resultado da pesquisa para tese do mestrado em Ciências da Saúde, da Universidade Estadual de Santa Cruz (Uesc), desenvolvida pela nutricionista Melissa Neves Carvalho. Segundo a coordenadora do CADHI, Cássia Moreira, o projeto reforça o atendimento aos pacientes, pois facilita o acolhimento e monitoramento dos resultados, a fim de melhorar a saúde deles.

Melissa explica que os questionários socioeconômicos aplicados na pesquisa identificam a frequência alimentar, hábitos sociais e percepção da saúde deles, através de exames, avaliação da massa corporal, entre outros. A nutricionista diz que após este primeiro contato para aplicação dos questionários e solicitação dos exames, em julho os procedimentos serão repetidos.

CADHI – Cássia Moreira esclarece que o CADHI é uma unidade de saúde específica para o atendimento de pessoas diabéticas, hipertensas e idosas, por uma equipe multiprofissional. “Essa é uma demanda referenciada para portadores dessas patologias que estão com algumas complicações, pois quem tem a vida saudável é atendido na atenção básica”.

A equipe é composta por nutricionista, enfermeiro, psicólogo, assistente social, educador físico, cardiologista, endocrinologista e geriatra. “Além da assistência ao paciente, a gente também promove atividades físicas em grupo, trabalhando a questão da ressocialização e qualidade de vida desse paciente. Esse é um tipo de serviço referenciado, o paciente precisa estar numa unidade de saúde sendo avaliado. A partir daí, é observado se há a necessidade de receber essa assistência, que é um serviço de alta e média complexidade”, completa a coordenadora do CADHI.

Bolsonaro demite Vélez do Ministério da Educação e já anuncia substituto

Bolsonaro demite Vélez do Ministério da Educação e já anuncia substituto

Foto: Marcos Corrêa/PR
O presidente Jair Bolsonaro (PSL) acaba de demitir Ricardo Vélez Rodríguez do Ministério da Educação. Por meio do Twitter, o capitão reformado anunciou que Abraham Weintraub será o novo chefe da pasta.
Economista pela Universidade de São Paulo (USP), Weintraub trabalhou 18 de seus 47 anos no Banco Votorantim, onde foi de office-boy a economista-chefe e diretor. Demitido, seguiu para a Quest Corretora e, logo depois, deixou a iniciativa privada.
O novo ministro assume o MEC num momento de crise na pasta. Foram diversas demissões nas últimas semanas e críticas à gestão de Vélez, que chegou a dizer que não abandonaria o cargo por livre e espontânea vontade (veja aqui). Informações Bahia Notícias.

Rui diz que governo federal não honrou compromissos e deu calote na Bahia

Apesar das críticas, governador não quis comentar as polêmicas do governo do presidente Jair Bolsonaro

Em entrevista coletiva durante a inauguração da Avenida 29 de Março, hoje (6), o governador Rui Costa (PT) afirmou que, mesmo com o “calote” do governo federal e a baixa arrecadação, as finanças do estado permanecem em equilíbrio e as obras anunciadas são entregues, informou o Metro 1.

“Eu tô suprindo o calote que o governo federal está me dando. Se tem alguém que está com dificuldade de honrar seus compromissos, não é o governo da Bahia. Só dessa obra aqui e da [avenida] Gal Costa, eles devem ao estado da Bahia R$ 150 milhões, então eu não sei quem é quem. Acho que os fatos falam mais do que as versões. Do metrô, o governo federal deve R$ 180 milhões”, alfinetou.

Ainda segundo informações do Metro 1, apesar das críticas, o governador não quis comentar as polêmicas mais recentes do governo do presidente Jair Bolsonaro. “Vamos falar da obra, gente, uma obra dessa, eu duvido que vocês não tenham ficado encantados”, esquivou-se.

Prefeito Mário Alexandre atende pacientes no mutirão realizado em Ilhéus

O prefeito Mário Alexandre ( Marão ) de Ilhéus, participou neste sábado, do mutirão da Saúde, ( MedPopSus ), na avenida Soares Lopes, onde o gestor, que também é médico, atendeu a população ilheense.

Fonte: Blog O Vermelhinho

Procurados pela Justiça tombam em confronto com a PM

Homem era procurado pela polícia.

Homem era procurado pela polícia.

Policiais militares da 69ª CIPM e PETO 68 receberam denúncia anônima para averiguar o elemento conhecido como “Loka” e seus comparsas, autores de diversos homicídios, tráfico de drogas e sequestro já que o mesmo possuía mandado de prisão em aberto.

Os Pms dirigiram-se à um ramal próximo da Escola Indígena de Sapucaeira e, ao se aproximarem da localidade, foram recebidos à tiros por Rodrigo Batista dos Santos, vulgo “Loka” e seu bando, tendo o efetivo revidado a injusta agressão, vindo a alvejar três elementos.

O da frente na imagem também tombou.

O da frente na imagem também tombou.

Na posse de Loka foi encontrada uma pistola cal. 380 inox com 03 munições intactas; na posse do indivíduo identificado como Benício Neto, um revólver cal. 32 com 03 munições deflagradas e 03 intactas; na posse do indivíduo identificado como Jeferson, um revólver cal. 32 com 06 munições deflagradas.

Os meliantes foram socorridos e levados ao Hospital Costa do Cacau, mas não resistiram e foram a óbito. O material apreendido foi encaminhado à 7ª Coorpin.

A operação resultou na apreensão dos seguintes materiais: 01 pistola Taurus cal. 380; 01 revólver Taurus cal. 32, Nº 100818; 01 revólver Taurus cal. 32, 03 munições cal. 380 intactas; 12 munições cal. 32, sendo 09 deflagradas e 03 intactas; 91 pedras de crack; 17 petecas de cocaína; 02 buchas e 01 tablete de maconha; 01 balança de precisão; 01 veículo Ford Ka, PP: PJK 1023; 03 celulares de marcas diversas.

Fonte: Fábio Roberto Noticias

TCE-BA abre 40 vagas para contratação de estagiários

TCE-BA abre 40 vagas para contratação de estagiários
O Tribunal de Contas do Estado da Bahia (TCE-BA) anunciou abertura de processo seletivo para preenchimento de 40 vagas, além de cadastro de reserva, para estágio remunerado. Os candidatos devem cursar o ensino superior, ensino médio, ensino médio técnico de saúde bucal e auxiliar de saúde bucal. O período de incrições vai de 22 a 26 de abril.

Segundo o TCE-BA, as vagas são destinadas para estudantes de ensino superior das áreas de: Administração, Arquitetura, Biblioteconomia, Ciências Contábeis, Ciências da Computação, Direito, Economia, Engenharia Civil e Gestão Ambiental. Já a seleção para cadastro reserva é para alunos de Design Gráfico/Publicidade e Jornalismo/Comunicação Social. O valor da taxa de inscrição será de R$ 15 para as vagas de nível superior e de R$ 10 para nível médio, técnico e auxiliar em saúde bucal.

Ainda segundo o TCE-BA, as inscrições devem ser feitas exclusivamente via Internet, por meio dos sites www.concepcaoconcursos.com.br ou www.tce.ba.gov.br. No processo seletivo 30% das vagas serão de afrodescentes, e 10% para pessoas com deficiência e mobilidade reduzida.

Blog o Defensor

Choque entrega donativos pela 2ª vez em uma semana

ssp
Três dias após realizarem doações de alimentos e materiais de higiene, policiais da Companhia de Patrulhamento Tático Móvel (Patamo) do Batalhão se Choque voltaram ao Asilo São Lázaro na manhã deste domingo (7), localizado no Jardim Nova Esperança.
Os cerca de 70 idosos atendidos no estabelecimento foram surpreendidos com a presença da unidade especializada, que entregou uma nova remessa de doações arrecadadas pelos PMs. Desta vez, congelados e não perecíveis foram doados. Essa é a segunda entrega em menos de uma semana.
“Além do empenho dos policiais na arrecadação dos alimentos, nossa tropa também faz questão de fazer a entrega dos itens, para conhecer melhor a história dos idosos e doar também um pouco de atenção a eles, que ficam muito felizes com a visita”, afirmou o comandante do Batalhão de Choque, tenente-coronel Paulo José Campos Guerra.

Blog O Defensor

Além de receber alimentos e materiais de higiene, o asilo também aceita quantias através da conta corrente 207407-9, agência 3460-6, Banco do Brasil, CNPJ 32.700.841/0001-06.

Aos 100 dias, Bolsonaro é presidente com pior aprovação

Apenas Fernando Henrique Cardoso e Dilma Rousseff nos primeiros meses dos seus segundos mandatos tiveram índices maiores de ruim ou péssimo

Um terço dos brasileiros avaliam que o governo de Jair Bolsonaro é ruim ou péssimo, mostra pesquisa DataFolha divulgada neste domingo, na pior avaliação dos 100 dias de governo de um presidente em primeiro mandato desde a redemocratização do país, em 1985.

O levantamento mostra que 30 por cento dos entrevistados consideram os primeiros meses do governo péssimo ou ruim, enquanto 33 por cento avaliam como regular e 32 por cento como ótimo ou bom.

Apenas Fernando Henrique Cardoso e Dilma Rousseff nos primeiros meses dos seus segundos mandatos tiveram índices maiores de ruim ou péssimo. FHC com 36 por cento e Dilma, 59 por cento. O instituto, no entanto, não considera essa comparação válida porque ambos já haviam sofrido o desgaste do primeiro mandato. Já Luiz Inácio Lula da Silva tinha apenas 14 por cento de avaliação negativa nos 100 dias de seu segundo mandato.

Apesar da avaliação ruim até agora, a expectativa dos entrevistados ainda é positiva: 59 por cento ainda acreditam que Bolsonaro fará um governo ótimo ou bom. O índice é um pouco menor do que na pesquisa registrada antes da posse, em que 65 por cento acreditavam em um governo ótimo ou bom.

O DataFolha perguntou ainda se os entrevistados acreditam que o presidente fez mais do que o esperado para os primeiros 100 dias de governo, menos ou dentro do esperado. Para 61 das pessoas ouvidas, Bolsonaro fez menos do que esperavam. Já 22 por cento acreditam que fez o esperado e 13 por cento, mais.

O presidente tem, a mesmo tempo, a maior rejeição e a maior aprovação entre o grupo onde venceu a eleição: os que ganham mais de 10 salários mínimos e os que têm curso superior avaliam, o governo como ruim ou péssimo, respectivamente, com 37 e 35 por cento. O mesmo grupo dá 41 e 36 por cento de ótimo ou bom, respectivamente.

O grupo mais insatisfeito é o de quem ganha até dois salários mínimos, em que Bolsonaro tem apenas 20 por cento de ótimo ou bom.

O Globo



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia