O ministro José Antonio Dias Toffoli, de 50 anos, assume nesta quinta-feira (13) a presidência do Supremo Tribunal Federal. Ao tomar posse, ele será o mais jovem presidente do STF na história.
A cerimônia que marca também a despedida de Cármen Lúcia do comando da corte está agendada para às 17h e acontecerá na sede do STF, em Brasília, Entre os convidados, estão o presidente Michel Temer, os presidentes da Câmara, Rodrigo Maia, e do Senado, Eunício Oliveira, a procuradora-geral da República, Raquel Dodge, além de ministros de tribunais superiores, estaduais e de contas, e governadores.

Além de comandar o Supremo, Toffoli acumulará o comando do Conselho Nacional de Justiça (CNJ).
Como presidente do STF, Dias Toffoli irá definir a pauta de julgamentos da corte.
Formado em direito no ano de 1990 pela Faculdade do Largo de São Francisco, na Universidade de São Paulo, Dias Toffoli chegou ao Supremo em 2009 e foi indicado por Lula, que era presidente do Brasil na época.