Mesmo com a chuva que caiu na noite dessa quinta-feira (12), em Ilhéus, o lançamento da pré-candidatura de Cipá a deputado estadual, pelo PCdoB, contou com a forte presença e participação popular na sede social da AABB, zona sul da cidade. Presente no evento, o deputado federal Davidson Magalhães declarou que o país vive um momento de dificuldade e as pessoas percebem que o pior caminho é a omissão.

“Temos que construir nas ruas, nas urnas, a participação da cidadania. Hoje o Brasil tem 60 mil homicídios por ano, está comparado ao número de mortos em guerras, como, por exemplo, a da Síria. Superar a violência significa: a gente ter uma prática política que construa uma sociedade mais solidária, vivemos o pico da sociedade de consumo onde se dá mais valor as coisas do que as pessoas”, disse o deputado que também é presidente do PCdoB na Bahia.

O parlamentar também comentou que, o país teve uma experiência recente importante, em um período, que chegou a ser a quinta economia do mundo, com grandes avanços sociais, inclusive saindo do mapa da fome, e que agora está sendo destruído com ações que retiram os direitos do povo. Davidson também ressaltou a importância do fim do financiamento privado em campanhas, que definiu como porta de entrada da corrupção na política brasileira.

Josenaldo Cerqueira, presidente do PCdoB de Ilhéus, disse que Cipá é uma pessoa que tem o respeito da comunidade ilheense. “Sua pré-candidatura é muito importante, significa uma alternativa para a cidade. Vamos nos engajar e fazer uma boa campanha”, reforçou. Paulo Roberto Pinto Santos, mais conhecido como Cipá, agradeceu em público a recepção que membros da executiva municipal do partido demonstraram desde sua filiação.

Em seu discurso, Cipá destacou que “o povo tem o poder, ele elege e escolhe seus representantes e isso me dá a esperança de transformação do país, as grandes mudanças acontecem em períodos de crise em qualquer lugar do mundo”.  O pré-candidato ainda falou sobre sua proposta de Projeto de Lei – que visa a criação do Conselho Fiscal de Engenharia e Auditoria, instrumento eficaz de controle das contas públicas, a fim de prevenir a corrupção.

Formaram a composição da mesa Cipá, Davidson Magalhães, delegada Marília, Socorro Pastor, João Borges, Josenaldo Cerqueira, Márcia Rosely (presidente do PCdoB de Itabuna) e Jairo Araújo (vereador do PCdoB em Itabuna). Entre os presentes no evento estavam o ex-vereador Gildo Pinto, o vereador Roque do Sesp, os comunicadores Jota Raimundo, Tony Mattioli e Malthez de Athayde (mestre de cerimônia); também o presidente do Sindicato Nacional Dos Marinheiros E Moços De Máquinas Em Transportes Marítimos E Fluviais (Sindfogo), Paulo Cézar.